Correio do Povo | Notícias | TJ manda Ricardo Neis indenizar ciclista em R$ 15 mil por dano moral

Porto Alegre

17ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

  • 05/12/2016
  • 18:33
  • Atualização: 18:40

TJ manda Ricardo Neis indenizar ciclista em R$ 15 mil por dano moral

Bancário já havia sido condenado a 12 anos e nove meses de prisão pelo atropelamento coletivo em 2011

Bancário já havia sido condenado a 12 anos e nove meses de prisão pelo atropelamento coletivo em 2011 | Foto: Guilherme Testa / CP Memória

Bancário já havia sido condenado a 12 anos e nove meses de prisão pelo atropelamento coletivo em 2011 | Foto: Guilherme Testa / CP Memória

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

O Tribunal de Justiça do Estado (TJRS) condenou o bancário Ricardo Neis a pagar R$ 15 mil, a título de dano moral, a um dos ciclistas atropelado durante o passeio do movimento Massa Crítica, em fevereiro de 2011, no bairro Cidade Baixa, em Porto Alegre. A sentença é da 11ª Câmara Cível do TJ.

No fim de novembro, Neis já havia sido condenado, dentro do mesmo processo criminal, a 12 anos e nove meses de prisão, sendo 40% da pena em regime fechado, por 11 tentativas de homicídio e cinco casos de lesão corporal. A decisão saiu quase seis anos depois de ele ter atropelado 17 ciclistas, na rua José do Patrocínio.

O autor da ação é o ciclista Eduardo Fernandes Iglesias, uma das vítimas do atropelamento coletivo ocorrido. Ele relatou ter sido socorrido e levado ao Hospital de Pronto Socorro, ferido e em estado de confusão mental. Também afirmou que teve gastos com tratamento médico e fisioterápico, além de ter deixado de trabalhar.

Em 1º grau, a Justiça havia condenado Neis a pagar indenização de R$ 10 mil. Após as duas partes terem recorrido, o TJ manteve a condenação e aumentou o valor.

De acordo com o magistrado, a prova testemunhal e o boletim de ocorrência confirmaram a versão do autor.