Correio do Povo | Notícias | Operação combate esquema de roubo de veículos e tráfico de drogas no Vale do Rio Pardo

Porto Alegre

30ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 13 de Novembro de 2018

  • 26/04/2018
  • 09:46
  • Atualização: 09:50

Operação combate esquema de roubo de veículos e tráfico de drogas no Vale do Rio Pardo

Ação mira seis criminosos de alta periculosidade e cumpre oito mandados de busca e apreensão

Operação mobiliza 90 policias e cães farejadores | Foto: Polícia Federal / Divulgação / CP

Operação mobiliza 90 policias e cães farejadores | Foto: Polícia Federal / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Polícia Federal, Polícia Civil e Brigada Militar desencadearam, nesta quinta-feira, a operação Novo Mundo – que busca desmantelar um esquema permanente de furto e roubos de veículos no Vale do Rio Pardo. Os criminosos usavam os automóveis roubados em Santa Cruz do Sul e Vera Cruz para tentar extorquir os proprietários. Além disso, os carros eram trocados por drogas e vendidos. 

A ação cumpre seis mandados de prisão preventiva de criminosos considerados de alta periculosidade, com várias passagens pela polícia por tráfico de drogas, roubo, extorsão, ameaça, lesão corporal e furto. Os policiais cumpre também oito mandados de busca e apreensão.

As investigações da Polícia Federal iniciaram em abril de 2017, com foco no tráfico de drogas e no contrabando. Durante a apuração, desvendou-se um esquema permanente e sistemático de furtos e roubos de automóveis e motocicletas na região, que eram destinados à receptação, troca por entorpecentes ou cobrança posterior de resgate para devolução do bem, a ser pago em dinheiro pelas vítimas.

A ação mobiliza cerca de 90 policiais das três corporações - com o reforço de cães farejadores. A operação foi batizada de “Novo Mundo”, em alusão ao fato de um dos principais investigados ter como base para a perpetração dos ilícitos o município de Vera Cruz.

Vítimas

A Polícia Federal solicita que vítimas de roubo ou furto de veículos ocorridos na região, que sofreram extorsão para reaver o bem e que não comunicaram as autoridades, entrem em contato com a Polícia Federal em Santa Cruz do Sul pelo telefone (51) 3717.9000.