Correio do Povo | Notícias | Operação fecha duas casas de jogos em Santa Maria

Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

  • 16/05/2018
  • 07:55
  • Atualização: 08:07

Operação fecha duas casas de jogos em Santa Maria

Além da contravenção, locais não tinham alvará de PPCI

Operação fecha duas casas de jogos em Santa Maria  | Foto: Deise Fachin / Especial / CP

Operação fecha duas casas de jogos em Santa Maria | Foto: Deise Fachin / Especial / CP

  • Comentários
  • Renato Oliveira

Uma operação conjunta da Polícia Civil, prefeitura e Corpo de Bombeiros fechou dessa terça-feira duas casas de jogos que funcionavam em Snata Maria. A ação ocorreu simultaneamente nos dois locais, nas ruas Venâncio Aires e General Neto. 

Nos dois locais foi constatada ainda a falta de alvará de localização dos estabelecimentos, documento expedido pela prefeitura. Além disso, os prédios não tinham alvará de Prevenção e Proteção contra Incêndios (PPCI). “Realizamos essa ação fiscalizatória devido à ausência de alvarás. Esses processos de fiscalização são importantes para garantir a segurança da população, bem como para coibir qualquer atividade econômica que não esteja regularizada no Município”, destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação, Ewerton Falk.

Falk ainda comentou que os dois estabelecimentos atraíam um grande número de pessoas. “O fechamento desses locais, com amparo legal, se justifica pela questão de segurança, considerando que os estabelecimentos não possuem as licenças necessárias e acabam tendo um grande público. Além disso, temos a questão da contravenção penal”, explicou Candaten.

Computadores, televisores, caixas registradoras e dinheiro foram apreendidos durante a operação. O titular da 1ª Delegacia de Polícia, delegado Carlos Alberto Dias Gonçalves, responsável por coordenar a operação, disse que as atividades desenvolvidas são consideradas como jogos de azar. Será formalizado um termo circunstanciado dos dois locais, por se tratar de um crime de menor potencial ofensivo. Os apostadores que se encontravam nos locais no momento da operação serão chamados como testemunhas.