Correio do Povo | Notícias | Mulher é presa por favorecimento à prostituição em Uruguaiana

Porto Alegre

30ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 22 de Setembro de 2018

  • 19/06/2018
  • 19:35
  • Atualização: 20:17

Mulher é presa por favorecimento à prostituição em Uruguaiana

Investigação durou quase um ano e verificou a participação de duas menores

  • Comentários
  • Fred Marcovici

A Delegacia de Proteção à Criança e Adolescente (DPCA) prendeu no final da tarde desta terça-feira uma mulher de 32 anos envolvida no crime de favorecimento à prostituição em Uruguaiana. A prisão ocorreu no bairro São Miguel, próximo ao centro da cidade. A investigação durou quase um ano e verificou a participação da envolvida no crime de favorecimento à prostituição (agenciamento de garotas de programa), além de tráfico de drogas.

Segundo o delegado Ênio Tassi – responsável pelo trabalho – a “cafetina” agenciava as garotas, sendo pelo menos duas comprovadamente menores, por meio de páginas do Facebook e WhatsApp. Conforme o policial,  ela oferecia as jovens em um book com detalhamento das candidatas aos programas. Os preços variavam de R$ 100 a R$ 600 e ainda grupos fechados para festas privês.

O modus operandi girava em ofertar a garota para fins sexuais e cobrar uma porcentagem sobre o programa. A DPCA apurou, inclusive, que adolescentes eram agenciadas pela "cafetina".