Correio do Povo | Notícias | Polícia identifica dois suspeitos de assalto que terminou com mulher morta

Porto Alegre

20ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

  • 06/08/2018
  • 11:45
  • Atualização: 11:57

Polícia identifica dois suspeitos de assalto que terminou com mulher morta

Casal foi levado como refém em carro roubado em Taquara

Margarete de Campos Oliveira, 49 anos, morreu em assalto | Foto: Facebook / Reprodução / CP

Margarete de Campos Oliveira, 49 anos, morreu em assalto | Foto: Facebook / Reprodução / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Polícia Civil já identificou dois suspeitos de envolvimento em assalto com sequestro, em Taquara, no Vale do Paranhana, que terminou com uma vítima morta. O delegado Ivair Matos Santos disse, nesta segunda-feira, que a Polícia prepara novas diligências – que não foram especificadas, para não atrapalhar a investigação.

O caso está sendo tratado como latrocínio, roubo seguido de morte. Na madrugada de domingo, assaltantes roubaram o carro de um casal e, para fugir da polícia, que chegava ao local, os criminosos levaram as vítimas. O homem pulou do carro e passa bem. Já Margarete de Campos Oliveira, 49 anos, que não se sabe ainda se teria pulado, caído ou sido atirada do veículo não resistiu aos ferimentos da queda e morreu.

• Dono de pensão morre após ser espancado no Vale do Sinos

Segundo Santos, o trabalho investigativo quer esclarecer como a vítima caiu do Toyota Corolla que havia sido levado da residência do casal na fuga de dois criminosos. “Ele com certeza se atirou porque foi isso que ele falou. Ela, como caiu depois dele, não se tem a informação concreta, mas ele acredita que ela o seguiu e tenha também pulado”, afirmou. “Foi um roubo que resultou morte. Inicialmente queriam roubar e acabaram fugindo com as vítimas para fugir da polícia”, acrescentou.

O Toyota Corolla do casal foi encontrado abandonado na tarde de domingo, na zona rural de Nova Hartz. O veículo, com perfurações de tiros, passará por perícia.

O assalto

As vítimas foram abordadas pelos dois assaltantes quando chegavam em casa no bairro Fogão Gaúcho, em Taquara. O roubo foi constatado pela vizinhança que acionou a Brigada Militar. Os criminosos “perceberam a presença da BM” e, ao abandonarem residência, “levaram as vítimas como garantia da fuga”. No roubo, os ladrões levaram também cerca de R$ 6,7 mil em dinheiro e as alianças do casal.

Os policiais civis não descartaram um terceiro criminoso que estaria em um veículo não identificado dando apoio logístico. “Pelo menos a participação de três pessoas é certa, mas acredito que tenha sido mais”, salientou o delegado Ivair Matos Santos. O casal caiu do carro na rua Pedro José Muller, no bairro Nossa Senhora de Fátima, quando os ladrões fugiam dos policiais militares.