Porto Alegre

24ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 24 de Janeiro de 2018

  • 02/01/2018
  • 22:30
  • Atualização: 23:49

PT-RS organiza plenária sobre manifestações para acompanhar julgamento de Lula

Sessão que analisa apelação do ex-presidente ocorre dia 24 de janeiro no TRF4

PT-RS organiza plenária para manifestações para acompanhar o julgamento de Lula  | Foto: Mauro Pimentel / AFP / CP

PT-RS organiza plenária para manifestações para acompanhar o julgamento de Lula | Foto: Mauro Pimentel / AFP / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O PT de Porto Alegre realiza plenária nesta quarta-feira, em sua sede municipal, na qual organizará as principais atividades que precedem a mobilização que está sendo articulada para acompanhar o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A sessão que analisará a apelação de Lula, no caso do “tríplex do Guarujá”, terá início às 8h30min de dia 24 de janeiro, no plenário do Tribunal Regional Federal da 4° Região (TRF4).

• PT define agenda de mobilização para julgamento de Lula

O secretário de Comunicação do PT de Porto Alegre, André Rosa, afirmou que o partido se organiza para “ocupar todos os espaços no entorno do TRF4 desde o dia 23 e até depois do julgamento”. O PT organiza também, para o dia 13, na Redenção, atividades culturais, aulas públicas e atos políticos.

André disse que a legenda definiu que os participantes dos protestos deverão acatar, mesmo que discordem, às determinações da Justiça, que restringiu a utilização do Parque da Harmonia como acampamento. “Isso prejudicará a permanência de pessoas que virão de longe, mas não irá prejudicar a manifestação de quem vai se reunir de maneira ordeira e pacífica para exigir eleições diretas com direito de Lula concorrer”, apontou o petista.

• Justiça barra Movimento dos Sem-Terra no julgamento de Lula

Ele salientou que os organizadores das manifestações confiam na atuação das forças de segurança para evitar conflitos. “Sabemos que grupos radicais, como o MBL, pretendem provocar confusão. Esperamos que as forças de segurança pública estejam atentas”, declarou.

Entidades presentes

O número de entidades que pretendem estar em Porto Alegre no dia do julgamento aumentaram com a confirmação da presença do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), liderado por Guilherme Boulos. A lista também conta com a participação da União Nacional dos Estudantes (UNE), Frente Brasil Popular, Central Única dos Trabalhadores (CUT) e Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).