Correio do Povo | Notícias | Prefeitura de Porto Alegre prevê déficit de cerca de R$ 1,1 bilhão em 2019

Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 23 de Setembro de 2018

  • 20/08/2018
  • 08:27
  • Atualização: 08:30

Prefeitura de Porto Alegre prevê déficit de cerca de R$ 1,1 bilhão em 2019

Lei de Diretrizes Orçamentárias será encaminhada nesta segunda-feira à Câmara de Vereadores

Prefeitura prevê gastar R$ 8,780 bilhões em 2019 | Foto: Joel Vargas / PMPA / CP

Prefeitura prevê gastar R$ 8,780 bilhões em 2019 | Foto: Joel Vargas / PMPA / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O prefeito Nelson Marchezan Júnior encaminha, nesta segunda-feira, à Câmara de Vereadores a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que prevê déficit de R$ 1,164 bilhão para 2019. De acordo com a proposta, a receita para o próximo ano soma R$ 7,616 bilhões e a despesa projetada é de R$ 8,780 bilhões. A proposta foi aprovada em assembleia do Conselho do Orçamento Participativo (COP) em 1º de agosto.

“O déficit de R$ 1,1 bilhão representa o quanto falta para realizarmos, de forma realista, o que a população espera para Porto Alegre em um ano normal de trabalho da Prefeitura”, afirma Marchezan, dizendo que projetou um orçamento ideal, prevendo o que a cidade precisa que seja feito.

A prefeitura espera que a cobertura do déficit projetado será alcançada por receitas extraordinárias, formadas por possíveis financiamentos indicados pelas secretarias municipais. “Fontes de recursos próprios só poderão ser usadas na cobertura desse déficit se as propostas de reforma da administração pública já encaminhadas ou em vias de encaminhamento ao Legislativo Municipal forem aprovadas com celeridade e responsabilidade”, ressalta Marchezan.

A LDO é um instrumento constitucional e legal que serve de base para a construção do Orçamento do ano seguinte, que será elaborado pela Secretaria do Planejamento e Gestão com o apoio de todas as secretarias.