Porto Alegre

29ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

  • 14/09/2017
  • 11:27
  • Atualização: 11:30

Cinco pessoas são presas em operação contra facções de Santo Antônio da Patrulha

Quatro suspeitos ainda estão foragidos

Ministério Público e Polícia Civil apreenderam armas, munições, celulares e drogas | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP

Ministério Público e Polícia Civil apreenderam armas, munições, celulares e drogas | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Jéssica Moraes / Rádio Guaíba

Cinco pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira, durante operação do Ministério Público (MP), realizada em Santo Antônio da Patrulha, Osório, Glorinha e Canoas. Com apoio da Brigada Militar, o MP cumpriu, ao todo, 30 mandados de prisão preventiva e busca e apreensão. Quatro suspeitos ainda estão foragidos.

A Operação Madre Teresa decorre de investigações relativas à guerra entre duas facções pelo comando do tráfico de drogas em Santo Antônio da Patrulha. Durante as investigações, que tiveram o apoio da Polícia Civil, 13 pessoas já haviam sido presas em flagrante por tráfico de drogas, tentativa de homicídio, porte ilegal de armas e receptação de veículo. Ainda, quatro adolescentes foram internados por tráfico e porte ilegal de armas.

Histórico

Entre os dias 29 de maio e 05 de junho deste ano, cinco homicídios ocorreram em Santo Antônio da Patrulha em virtude da disputa entre duas facções pelo controle do tráfico no bairro Madre Teresa. Durante os meses de maio e junho, houve toque de recolher na cidade, com a circulação de áudios por Whatsapp em que os traficantes das facções diziam que iriam matar quem tentasse invadir seus respectivos territórios. Também houve ameaças de invasão aos apartamentos de um condomínio popular. Foi encaminhado reforço no policiamento ostensivo, que conseguiu evitar que os fatos se concretizassem.