Correio do Povo | Notícias | Força Nacional passa a atuar sozinha e ficará 60 dias no Rio Grande do Sul

Porto Alegre

13ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 24 de Junho de 2018

  • 02/09/2016
  • 12:31
  • Atualização: 12:45

Força Nacional passa a atuar sozinha e ficará 60 dias no Rio Grande do Sul

Prazo pode ser ampliado após nova negociação entre os governos

Força Segurança deixa de atuar ao lado da BM nas ruas de Porto Alegre | Foto: Mauro Schaefer

Força Segurança deixa de atuar ao lado da BM nas ruas de Porto Alegre | Foto: Mauro Schaefer

  • Comentários
  • Correio do Povo

O Diário Oficial da União publicou nesta sexta-feira a portaria nº 789, do Ministério da Justiça, na qual consta a determinação de que a Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) permaneça por 60 dias no Rio Grande do Sul, a contar desde a solicitação feita pelo governador José Ivo Sartori, no dia 26 de agosto passado. O prazo pode ser prorrogado conforme pedido do Governo do Estado e posterior aprovação do Ministério da Justiça. A portaria ainda aponta que as ações de polícia ostensiva da FNSP terá o objetivo de “conter a criminalidade”.

Leia mais sobre a Força Nacional

Responsável pelo Comando de Policiamento da Capital (CPC) da Brigada Militar, o coronel Mário Ikeda anunciou que o efetivo da FNSP está a partir desta sexta-feira atuando sozinho nas avenidas e ruas de Porto Alegre. O oficial observou, porém, que o efetivo da BM sempre estará presente na mesma região. De acordo com ele, ambas as forças policiais atuam do mesmo modo, inclusive atendendo e intervindo em ocorrências.