Correio do Povo | SemanaFarroupilha | Vencedores do desafio de comida campeira serão conhecidos nesta terça-feira

Porto Alegre

15ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

  • 18/09/2017
  • 09:15
  • Atualização: 09:18

Vencedores do desafio de comida campeira serão conhecidos nesta terça-feira

Anúncio será feito no programa “Rio Grande no Ar”, ao vivo do Piquete Correio do Povo - Grupo Record RS

Anúncio será feito no programa “Rio Grande no Ar”, ao vivo do Piquete Correio do Povo - Grupo Record RS | Foto: Mauro Shaefer

Anúncio será feito no programa “Rio Grande no Ar”, ao vivo do Piquete Correio do Povo - Grupo Record RS | Foto: Mauro Shaefer

  • Comentários
  • Correio do Povo

Os campeões do Desafio de Comida Campeira 2017, do Grupo Record RS, serão conhecidos nesta terça-feira, véspera da data máxima da Revolução Farroupilha. O anúncio dos vencedores será feito durante o programa “Rio Grande no Ar”, com transmissão ao vivo do Piquete Correio do Povo — Grupo Record RS, no Parque da Harmonia. Na ocasião, os jurados Otávio Capuano, membro da Comissão Gaúcha de Folclore; Paulo Mendes, jornalista do Correio do Povo; e André Haar, repórter da Record RS, definem os três pratos vencedores da disputa. Ao todo, foram quatro dias de avaliações de receitas típicas da culinária gaúcha.

Antes disso, no entanto, para encerrar as avaliações, mais três pratos foram apreciados pelos jurados na noite de sexta-feira. O piquete Cabo Toco, de São Luiz Gonzaga, apresentou um espinhaço de ovelha com mandioca. “Um prato típico da região missioneira”, justificou a escolha o cozinheiro Luis Carlos de Jesus. O patrão Gilberto de Jesus Costa explicou que a receita valoriza a história da região, assim como a música e a dança que acompanharam a degustação.

Já o Amigos da Bocha, de Porto Alegre, preparou uma rabada com aipim. “Faz tempo que o pessoal estava me cobrando essa receita”, afirmou o patrão Francisco Valmor Genro, que também foi o cozinheiro da noite no piquete. Ele disse ainda contar com a sorte, já que no ano passado ganhou o prêmio de segundo lugar no desafio. “Um dia eu chego no primeiro lugar”, brincou.

No último piquete visitado pelo júri nesta edição do concurso, no Campo a Fora, da Capital, do patrão Cleiton Freitas, também foi oferecido um espinhaço de ovelha com aipim. “O espinhaço é campeiro e, hoje, é uma carne considerada nobre, mas antigamente era consumida mais pelos peões”, contou Freitas. O prato é um dos preferidos dos frequentadores do piquete. “Sempre faço para os amigos e todo mundo gosta muito”, disse o cozinheiro João Batista Reis.