Copa Argentina tem classificação do Boca e eliminação do Atlético Tucumán sem sofrer gol

Ricardo Zielinski poupou alguns jogadores contra o NOB – Foto: Alejandro Del Bosco / Divulgação

Com o final de semana de data Fifa, a Superliga Argentina não teve rodada. No entanto, foram realizados alguns jogos da Copa Argentina entre a última quinta-feira e o domingo. Estiveram em campo dois clubes que disputam a Libertadores da América, Boca Juniors e Atlético Tucumán. Adversário do Grêmio na competição continental, o Decano acabou eliminado nos pênaltis.

As fases da Copa Argentina são sempre disputadas em jogos únicos e em campo neutro. O Atlético Tucumán encarou o Newell’s Old Boys no estádio do Temperley, em Turdera, na grande Buenos Aires, pelas oitavas de final. Por conta da sequência de jogos pelas três competições do semestre, o técnico Ricardo Zielinski poupou alguns jogadores, entre eles o capitão Luis Rodríguez.

Após um primeiro tempo em que o jogo teve poucas situações de gol, a expulsão de Mathías Abero deixou o Atlético Tucumán com apenas 10 homens. Na segunda etapa, o NOB fez valer o jogador a mais e pressionou. O gol só não saiu graças a boas defesas do goleiro Cristian Lucchetti, que manteve o 0 a 0 até o término do tempo normal.

Nos pênaltis, porém, o Newells levou a melhor por 5 a 3 e avançou para as quartas de final da Copa Argentina. O Atlético Tucmán, assim, deixou a competição sem ter sofrido nenhum gol com bola rolando. Vale lembrar que o Decano foi vice-campeão da Copa Argentina em 2017 ao perder a final para o River Plate, o que lhe deu a vaga na Libertadores deste ano.

O Atlético Tucumán terá ainda mais um compromisso antes do jogo de ida das quartas de final da Libertadores contra o Grêmio. Na próxima sexta-feira, às 21h, o Decano recebe o Tigre em Tucumán pela Superliga Argentina. O time de Ricardo Zielinski é o terceiro colocado, com 8 pontos – dois a menos que o líder Racing.

 

Chance de clássico na próxima fase

Classificado, o Newell’s pode encarar um clássico nas quartas de final. O adversário do NOB sairá do confronto entre Rosario Central e Almagro, da segunda divisão. O jogo ainda não tem data marcada. O Central garantiu sua vaga para as oitavas de final na sexta-feira ao derrotar o Talleres nos pênaltis.

 

Vitória sem brilho do Boca

Foto: Boca Juniors / Divulgação

Bastante desfalcado por conta da data Fifa, o Boca Juniors teve trabalho para superar o San Martín de Tucumán por 2 a 0 ainda pela fase de 16 avos de final – jogo foi adiado por conta da viagem do Boca a Barcelona para disputar o Joan Gamper no começo de agosto.

Sem contar com Wilmar Barrios (seleção colombiana), o técnico Guillermo Schelotto apostou em uma dupla de volantes formada por Fernando Gago e Pablo Pérez. O time xeneize sentiu a falta de seu principal marcador do meio-campo e foi bastante ameaçado no primeiro tempo. O San Martín, no entanto, parou na atuação segura do goleiro Andrada.

O Boca só conseguiu marcar no segundo tempo. Cardona recebeu de Tevez, que entrou no lugar de Zárate, e acertou um belo chute para abrir o placar já aos 31. Logo depois, Ábila, de pênalti, decretou o placar final da partida. O Boca vai encarar o Gimnasia de La Plata nas quartas de final em jogo ainda sem data marcada.

 

Os jogos da Copa Argentina disputados entre quinta-feira e domingo:

Fase de 16 avos

Oitavas de final

 

Atualizando: Independiente cai para time da B

Goleiro Martín Ríos, do Brown de Adrogué, defendeu dois pênaltis – Foto: Divulgação

A rodada de jogos da Copa Argentina foi encerrada na noite dessa segunda-feira com uma zebra. O Independiente acabou eliminado pelo modesto Brown de Adrogué, que disputa a B Nacional, nos pênaltis após um empate por 1 a 1 no tempo normal.

Apesar de se considerar o Rei de Copas pelas conquistas internacionais, o Independiente tem um histórico desfavorável em território nacional. Com a eliminação dessa segunda, o Rojo segue sem nunca ter passado das oitavas de final da Copa Argentina. A equipe de Avellaneda acumula eliminações para clubes modestos na competição, como Belgrano, Boca Unidos e Defensa y Justicia.

Com a eliminação, o Independiente perde mais uma oportunidade de buscar vaga na Libertadores de 2019. Para chegar à competição por suas próprias forças agora, o Rojo precisa conquistar a atual edição da competição continental. Se isso não ocorrer, o clube de Avellaneda precisará que o Boca Juniors vença a Libertadores deste ano. Outra possibilidade de vaga é que o San Lorenzo – que garantiu lugar na Libertadores 2019 pela Superliga Argentina – conquiste a Sul-Americana.

Cristiano Munari :O blog La Pelota é administrado pelo repórter do Correio do Povo Cristiano Munari. Jornalista formado pela Universidade Luterana do Brasil (Ulbra) em 2010, Munari é especialista em futebol argentino. O blog traz informações sobre o Campeonato Argentino e também dos clubes do país vizinho nas competições internacionais. Em ano de Copa do Mundo, o caminho da seleção argentina até a Rússia também terá cobertura especial com informação, análise e opinião sobre o time treinado por Jorge Sampaoli. Contato através do e-mail cmunari@correiodopovo.com.br e pelo Twitter @crismunari Sempre lembrando, “La Pelota no se mancha”