Porto Alegre, 30 de Julho de 2014

Scott Dixon vence e embola campeonato da Fórmula Indy

Foto Nick Laham / Getty Images / AFP / CP

Dixon conseguiu ultrapassar o líder Power durante o pitstop

Com uma péssima transmissão da TV Band, que colocou um narrador de segunda categoria e abusou das propagandas, a Fórmula Indy teve a sua 12ª etapa reallizada neste domingo em Mid-Ohio. Scott Dixon, da Chip Ganassi, venceu e entra na briga pelo título, somando 351 pontos na 4ª colocação na classificação geral. O piloto da Ganassi largou da 2ª fila, na 4ª posição, ganhou duas posições logo nas primeiras voltas da prova, assumindo a liderança na 2ª parada nos boxes e segurando-a até o fim.

 

O pole-position, Will Power, manteve um ritmo acelerado a corrida inteira, chegando a ficar isolado na ponta nas primeiras voltas. Porém Power e Dixon entraram juntos nos boxes em suas primeiras paradas, a Ganassi trabalhou mais rápido na troca de pneus e por milésimos de segundos Power conseguiu segurar sua posição de honra.

Foto  Robert Laberge / Getty Images / AFP / CP

Dixon comemorou bastante o seu retorno ao degrau mais alto do pódio

Já no segundo pit-stop, ambos faziam a mesma estratégia de paradas, Dixon agarrou a liderança quando mais uma vez a Ganassi demonstrou excelência na troca de pneus. Power finalizou na 2ª posição e passou a assumir a liderança do campeonato com 379 pontos.

Simon Pagenaud largou e chegou na 3ª posição. O Francês manteve a constância em prova com ritmo agressivo, pulando para 6º na tabela geral neste final da temporada, que marca sua estréia na categoria. Seu compatriota, Sébastien Bourdais, da Dragon/Chevrolet cruzou a linha de chegada logo em seguida, na 4ª posição.

James Hinchicliffe completa a lista dos Top5. O canadense da Andretti Autosport que largou da 6ª posição acumula 316 pontos na tabela geral, ocupando a 5ª colocação.

Tony kanaan finalizou o GP de Mid-Ohio como o melhor brasileiro posicionado. O baiano fez a corrida em seu estilo favorito, ganhando 12 posições durante a prova, recebendo a bandeira quadriculada na 6ª posição.

Foto  Robert Laberge / Getty Images / AFP / CP

Tony fez uma grande prova e terminou em sexto, o melhor brasileiro

Rubens Barrichello e Hélio Castroneves chegaram em 15º e 16º, respectivamente. O então atual líder do campeonato, Ryan Hunter-Reay colidiu com Sato saiu da pista voltando no fim da fila, perdendo rendimento com problemas no carro e abandonando a 6 voltas do final da prova. O americano continua na briga pelo título com 5 pontos a menos que Power na classificação geral.

A próxima etapa da categoria acontece em 3 semanas em Sonoma, na Califórnia. O GP de Sonoma marca a antipenúltima corrida da temporada 2012.

Confira o GP de Mid-Ohio:

1º. Scott Dixon (NZL/Chip Ganassi-Honda), 85 voltas
2º. Will Power (AUS/Penske-Chevrolet), a 3s4619
3º. Simon Pagenaud (FRA/Schmidt Hamilton-Honda), a 4s5402
4º. Sébastien Bourdais (FRA/Dragon-Chevrolet), a 5s5822
5º. James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet), a 7s5663
6º. Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet), a 12s3280
7º. Ryan Briscoe (AUS/Penske-Chevrolet), a 27s9601
8º. Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet), a 28s1691
9º. J. R. Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet), a 29s2325
10º. Alex Tagliani (CAN/BHA-Honda), a 31s1722
11º. Graham Rahal (EUA/Chip Ganassi-Honda), a 31s4387
12º. Josef Newgarden (EUA/Fisher Hartman-Honda), a 32s0754
13º Takuma Sato (JAP/Rahal Letterman-Honda), a 32s4073
14º. Giorgio Pantano (ITA/Chip Ganassi-Honda), a 33s9166
15º Rubens Barrichello (BRA/KV-Chevrolet), a 35s2863
16º. Hélio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet), a 35s9205
17º. Dario Franchitti (ESC/Chip Ganassi-Honda), a 36s9834
18º. Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda), a 42s0974
19º. James Jakes (ING/Dale Coyne-Honda), a 46s4304
20º. Ernesto Viso (VEN/KV-Chevrolet), a 46s8068
21º. Mike Conway (ING/A. J. Foyt-Honda), a 46s9535
22º. Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet), a 1 volta
23º. Simona de Silvestro (SUI/HVM-Lotus), a 2 voltas
24º. Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet), a 6 voltas
25º. Oriol Servià (ESP/DRR Panther-Chevrolet), a 7 voltas