Correio do Povo

11/09/2018 07:38 - Atualizado em 11/09/2018 07:53

Esportes > Esportes

Grêmio não vê preocupação em súmula sobre confusão do Gre-nal

Representante jurídico do tricolor disse que não houve conduta que ampare denúncia de peso

Grêmio não vê preocupação em súmula sobre confusão do Gre-nal- Crédito: Ricardo Giusti
Grêmio não vê preocupação em súmula sobre confusão do Gre-nal
Crédito: Ricardo Giusti

A súmula do árbitro Péricles Bassols Cortez, que apitou o clássico Gre-Nal no domingo, aponta o volante Maicon - que não jogou mas estava junto com a delegação no estádio Beira-Rio - e o técnico Renato Portaluppi como principais culpados pelo início da confusão generalizada na zona mista que dá acesso aos vestiários. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) ainda não se pronunciou sobre uma possível denúncia contra ambos. Mas o Grêmio se mostra seguro e não vê motivo para preocupação. “Pelo que li na súmula, não vejo um possível problema para o Grêmio. Não há imputação de nenhum fato específico de ninguém do Grêmio. Há aquela coisa de briga, xingamentos, mas não há ato tipificado”, diz o vice-jurídico do clube, Nestor Hein. Ele admite, no entanto, que pode haver denúncia por parte do STJD. “Qualquer coisa pode ser denunciada, ainda mais em se tratando de temas assim. Mas não vejo preocupação para o Grêmio com esse fato. Não há conduta de fato que ampare uma denúncia robusta”, acrescenta. Maicon também teria ofendido verbalmente o meia argentino D’Alessandro, mas esse relato não consta na súmula do árbitro do clássico.

ESPORTES > correio@correiodopovo.com.br