CORREIO DO POVO
PORTO ALEGRE, SEXTA-FEIRA, 2 DE MARÇO DE 2001
Imperadores é bi e espera os Bambas

09IMPERA.jpgAs torcidas dos Imperadores e dos Bambas da Orgia comemoraram juntas a vitória

O carnaval 2002 terá de volta os Bambas da Orgia, campeã do Grupo A. No Especial, Imperadores é a grande vitoriosa.

A Imperadores do Samba comemorou ontem o título de campeã do Grupo Especial da Capital, que lhe garantiu o bicampeonato, e acompanhou entusiasmada a apuração do Grupo Intermediário A, no qual estava a sua principal rival. A torcida vermelho-e-branco gritou o nome da presidente dos Bambas da Orgia, Rosalina Conceição, a Rose, assim que a comissão julgadora anunciou o nome da campeã. Mas a confraternização terminou logo e a antiga rivalidade retornou, ainda na avenida Augusto de Carvalho, onde ocorreu a apuração. As torcidas voltaram a se desentender, provocando um princípio de tumulto nas arquibancadas. Policiais militares montados foram deslocados para a avenida para reforçar a segurança do público.

A tão esperada briga pelo título entre Imperadores e Estado Maior da Restinga acabou não acontecendo. A diferença de notas entre as duas escolas foi de seis pontos, e o segundo lugar ficou com a Academia de Samba Praiana, que apresentou um carnaval alegre e colorido na noite de terça, deixando a Tinga em terceiro lugar. A Acadêmicos de Gravataí, apesar de ter cumprido o regulamento, não resistiu à força das adversárias e foi rebaixada ao Grupo Intermediário A.

 A apuração do A foi mais concorrida este ano, com a participação dos Bambas, que venceram com uma diferença de quatro pontos a segunda colocada, a Copacabana. A Império da Zona Norte, que chegou a participar do Especial, não teve sorte e caiu para o Intermediário B. Nesse grupo, a vencedora foi a Academia de Samba Puro. Três foram rebaixadas: Figueira, com 131,5; Salgueiro, 99,5; e Unidos da Zona Norte, 65 (conferir nas tabelas).

 Não houve surpresa no Acesso. Fidalgos e Aristocratas é a campeã e Mocidade de Esteio, Portela e Unidos do Capão, de Sapucaia do Sul, fizeram as piores pontuações. A tendência é que algumas escolas acabem desaparecendo, por falta de incentivo e recursos financeiros. Na categoria Tribos, mais uma vez venceu Os Comanches, conquistando o tricampeonato. O segundo lugar coube a Os Guaianazes e o terceiro, a Os Tapuias. Com esses resultados, a coordenação de carnaval da prefeitura conseguiu aplicar os novos critérios para o carnaval. A partir de 2002, os grupos terão apenas sete escolas cada um. Neste sábado, a partir das 18h, ocorrerá o desfile das campeãs.
 
 


Correio do Povo
Porto Alegre - RS - Brasil