CORREIO DO POVO
PORTO ALEGRE, QUARTA-FEIRA, 17 DE FEVEREIRO DE 1999
Samba & Cia.

PONTUAÇÃO - A Coordenação-Geral do Carnaval 99 divulgou na noite de segunda-feira o relatório de ocorrências do Grupo Intermediário B. A Mocidade Independente de Esteio perdeu seis pontos pelo atraso de quatro minutos no início do desfile e pela ausência de uma alegoria. A Fildagos e Aristocratas perdeu quatro pontos pela falta de dois carros alegóricos. A Unidos do Guajuviras, de Canoas, perdeu dois pontos pela falta de uma alegoria.

SUPERSTIÇÃO - A 'mandinga' correu solta na avenida Augusto de Carvalho. Uma comerciante derramou açúcar junto ao mezanino da Praça de Alimentação, antes do início dos desfiles, para atrair clientes. Já o presidente da Império da Zona Norte, Rubens Menezes, usou e abusou de um perfume misterioso.

PROTESTO - O bar que atende aos camarotes, funcionando na área localizada nas proximidades da assessoria de imprensa da Secretaria Municipal da Cultura, está sendo motivo de generalizado protesto entre os jornalistas. O constante cheiro de fritura vem causando enjôos e mal-estar. Isso sem falar na fumaça.

GATINHA - Superação. Desta forma é possível definir a passagem da atendente de nutrição Patrícia Rodrigues, de 25 anos, que figurava como gatinha na Comissão de Frente da Mocidade Independente Lomba do Pinheiro. Durante a evolução, a fantasia caiu até a cintura, deixando seus seios à mostra. Inicialmente, ela entrou em pânico, mas depois, com o clamor da arquibancada, acostumou-se com a idéia: 'Realmente, concordo que ficou melhor'.

FANTASIA - O campeoníssimo Luiz Humberto Pompeu foi destaque do carro abre-alas da Real Academia de Samba, com a fantasia Imperador Chinês, avaliada em R$ 5 mil. Ele recentemente conquistou 1º e 2º lugar no Concurso de Fantasia de Gramado.

CORTE - Mais uma vez, a Corte de Momo serviu de UTI para amenizar a falta de organização de algumas entidades carnavalescas que atravessaram a pista no domingo e na segunda-feira.

CHARME - A passista mirim Pamela, de 3 anos, foi um dos destaques graciosos da União da Tinga. O desembaraço e a desenvoltura da pequena encantaram a todos na avenida Augusto de Carvalho. Com jeito de mulher, ela rebolava e fazia evoluções na frente dos cinegrafistas e fotógrafos.

POSE - A securitária Tatiana Deise Moreira Pereira, de 24 anos, deu um exemplo de garra durante a evolução da comissão de frente da Império da Zona Norte. Depois de enfrentar dificuldades para estacionar o carro, ela precisou correr e acabou quebrando os saltos dos sapatos. Mesmo assim, sem se intimidar, conseguiu cruzar a avenida sem perder a pose.

TUMULTO - A Brigada Militar teve que intervir junto às arquibancadas para acabar com princípios de tumulto. Mas, durante o desfile da União da Tinga, houve uma briga de gangues seguida de arrastão, onde duas pessoas foram lançadas para a pista, prejudicando a evolução da escola e o espetáculo popular.

FERIDOS - O tumulto que mobilizou pelo menos uma dezena de policiais na Augusto de Carvalho causou uma suspeita de fratura na perda direita de Tânia Maria dos Santos, de 53 anos. Ela foi removida para o Hospital de Pronto Socorro da Capital. A outra vítima do incidente foi Cláudia Machado Conrado da Silva, de 17 anos, que bateu com a cabeça na pista.

PLANTÃO - A noite do desfile do Grupo Intermediário A foi considerada tranqüila no plantão médico do Hospital de Pronto Socorro instalado na avenida Augusto de Carvalho. Foram feitas três remoções e atendidos 15 casos, um entorce e três ferimentos leves.

ESFORÇO - Foram necessárias 40 pessoas para empurrar o carro alegórico A Noite, que foi levado para a avenida Augusto de Carvalho pela escola Acadêmicos da Orgia e que representava a boemia noturna. Não bastasse isso, nove destaques foram obrigados a sair e sambar no asfalto.
 
 


Correio do Povo
Porto Alegre - RS - Brasil