CORREIO DO POVO
PORTO ALEGRE, SÁBADO, 9 DE JUNHO DE 2001

Yamandu conquista júri e público
O violonista gaúcho foi o grande vencedor, no dia 7, do Prêmio Visa MPB de Música Instrumental




20YAMAND.jpg

A noite de quinta foi especial para o violonista gaúcho Yamandu Costa. Ele foi o grande vencedor do 4º Prêmio Visa de MPB - Edição Instrumental em duas categorias: escolha do júri e escolha popular, confirmando a unanimidade de seu nome como um dos grandes instrumentistas da atualidade no Brasil. O músico recebeu um prêmio no valor de R$ 40 mil e o direito de gravar um disco pela Gravadora Eldorado, além de viagem a Nova Iorque com direito a acompanhante.

Com apenas 20 anos e há três na estrada, Yamandu surpreendeu um público ávido por virtuosismo. E ele não deixou por menos. Escolheu três peças do repertório violonístico brasileiro: 'O Trenzinho do Caipira', de Heitor Villa-Lobos; 'Brasiliana' , de Radamés Gnatalli, e 'Brejeiro', de Ernesto Nazareth, sua melhor execução e que arrancou aplausos entusiasmados.

'Ele é um gênio. Nunca houve performance violonística como a dele, no Brasil ou em qualquer outro lugar do mundo', disse Guinga, compositor e violonista e que estava no júri. Tamanha euforia por parte de Guinga tem um fundamento. A execução de Yamandu é considerada surpreendente. Ele usa os movimentos do corpo e expressões faciais como elementos integrantes de sua interpretação.

Yamandu lançou, recentemente, o CD 'Dois Tempos' (foto), em parceria com outro grande violonista, Lúcio Yanel. O CD reúne os talentos individuais dos músicos e apresenta um repertório comprometido com a musicalidade do Brasil e da América Latina. Gravado nos estúdios da ACIT, em janeiro deste ano, contando com a produção de Luis Carlos Borges, 'Dois Tempos' contempla um repertório eclético dentro do universo violonístico: chamamés, zambas, milongas, valsas e choros. Destaques para 'Dr. Sabe Tudo', do saudoso Dilermando Reis é um dos momentos de grande virtuosismo dos músicos; 'Milongueo Del Ayer', de Abel Fleury; e 'Brejeiro', de Ernesto Nazareth.

A cerimônia de entrega do Prêmio Visa foi no Tom Brasil, em São Paulo. Antes dos concorrentes serem anunciados, Paulinho da Viola e Toquinho apresentaram o espetáculo 'Sinal Aberto'.



Correio do Povo
Porto Alegre - RS - Brasil