CORREIO DO POVO
PORTO ALEGRE, SEGUNDA-FEIRA, 3 DE MARÇO DE 2003

Desfile pontual e criativo agrada ao público




09DESFIL.jpg Unidos de Guajuviras aposta na criatividade e encanta


O desfile do Grupo de Acesso de Porto Alegre, que apresentou a Areal da Baronesa, a Unidos de Guajuviras e a Acadêmicos da Orgia como destaques, foi marcado pela pontualidade na apresentação, que durou das 21h de sábado às 5h20min de domingo. Apesar disso, problemas com alegorias, momentos antes do ingresso na avenida, angustiaram alguns carnavalescos. A Unidos da Zona Norte foi prejudicada pelo temporal da tarde de sábado. A escola se apresentou com metade dos 350 componentes e apenas um carro alegórico. Alagamentos na quadra impediram o deslocamento dos integrantes e de outras duas alegorias. A Zona Norte destacou a importância da carta para a comunicação, desde os tempos medievais.

A Astros de Alvorada abusou do brilho e do colorido nas fantasias para representar os deuses egípcios. Mas a escola pode perder pontos por ter entrado com apenas duas das três alegorias previstas. Segundo o diretor da escola, Luís Carlos Morais, o carro quebrou na concentração. O espetáculo popular das festas de reis, o 'Reisado', foi cantado pela Acadêmicos de Niterói, que levou os personagens mais tradicionais dessa cantoria para a avenida, entre eles, rainhas, palhaços, estrelas e índios. A escola de Canoas desfilou com quatro alegorias e mais de 500 componentes. Um dos diferenciais foi a participação de uma mulher como puxadora de samba, Luciara Batista Bento.

A última a desfilar na Augusto de Carvalho, a Unidos da Vila Mapa, contou com uma torcida animada, que esperou até as 4h30min para conferir o enredo sobre a luta pela liberdade, 'a palavra mais bela para o povo negro'. O conjunto da apresentou teve falhas na harmonia entre as alas. A coordenação da escola precisou esforçar-se para garantir uma boa distribuição dos integrantes na avenida, evitando espaços vazios.

O prefeito João Verle e sua esposa, Nanci, participaram da primeira noite do carnaval, chegando logo após a apresentação da convidada Banda da Saldanha, responsável por abrir os desfiles. Verle cumprimentou o público na avenida e recebeu uma comitiva de autoridades da província de Vicenza, da Itália. Para o presidente da Associação das Entidades Carnavalescas de Porto Alegre e do RS (Aecpars), Jorge Sodré, a apresentação do Grupo de Acesso neste ano superou a de anos anteriores.



Correio do Povo
Porto Alegre - RS - Brasil