CORREIO DO POVO
PORTO ALEGRE, SEGUNDA-FEIRA, 13 DE MARÇO DE 2006

Carnaval atrai turistas de 10 países
Franceses e americanos estavam entre os visitantes que assistiram aos desfiles em Uruguaiana




15CARNAV.jpg Nana Gouveia foi uma das atrações da escola Os Rouxinóis


O Carnaval Fora de Época, de Uruguaiana, levou 35 mil pessoas por noite à avenida Presidente Vargas no final de semana. A festa ingressou definitivamente no calendário de eventos do Rio Grande do Sul. O Grupo Especial apresentou seis escolas de samba que, uma a uma, foram se superando e apresentando a beleza da mulher da Fronteira, as fantasias, os destaques, alegorias e passistas.

A Toca do Lobo cresceu com o enredo 'A evolução da humanidade'. Na Bambas da Alegria, a louvação ao 'Feitiço da vida' desvendou superstições. 'As Quatro estações', enredo da Deu Chucha na Zebra, levou à avenida carros alegóricos que chamaram a atenção, principalmente os do inverno e do verão, marcando a passagem da 'Namoradinha do Bairro Santana'.

A escola Os Rouxinóis esbanjou luxo e atrações com 'Terra Brasilis'. Vantuir da Unidos da Tijuca interpretou o samba, Claudinho e Selminha Sorriso participaram como mestre-sala e porta-bandeira, ambos da Beija-Flor. Também marcaram presença Nana Gouveia e Ana Paula Evangelista, rainha do Carnaval do Rio.

A Ilha do Marduque descreveu 'A luta do bem contra o mal, esperança de um futuro melhor' com muita emoção. Um enredo do cotidiano descrito com qualidade, nitidez e a comunidade da Mascarenhas de Moares, em alas em preto (mal) e prata (bem), além do azul oficial. Entre os destaques, Nego, puxador de samba, e o casal de mestre-sala e porta-bandeira Robson Sensação e Ana Paula, todos da Império Serrano. Houve ainda contribuição de uma representação da Bambas da Orgia, de Porto Alegre.

A atual campeã, Unidos da Cova da Onça, enfrentou problemas com o carro abre-alas, mas manteve a animação com os intérpretes Dominguinhos do Estácio e Sandro Ferraz da Tinga de Porto Alegre, levando ao sambódromo a 'trajetória do espelho', incluindo a lenda de Narciso.

No palanque oficial estavam o governador em exercício Antonio Hohlfeldt e o prefeito Sanchotene Felice, que confirmou a presença de turistas de dez países na passarela do samba. Entre os visitantes estrangeiros havia franceses, americanos, argentinos, uruguaios e chilenos.




Correio do Povo
Porto Alegre - RS - Brasil