Correio do Povo | Notícias | Gramado ruim e casa cheia são os desafios do Inter contra Cianorte

Porto Alegre

19ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 25 de Setembro de 2018

  • 14/03/2018
  • 06:58
  • Atualização: 07:22

Gramado ruim e casa cheia são os desafios do Inter contra Cianorte

Estádio Albino Turbay tem apenas 2,5 mil lugares e conta com grama de jardim

Gramado ruim e casa cheia são os desafios do Inter contra Cianorte  | Foto: Cianorte FC / Divulgação / CP

Gramado ruim e casa cheia são os desafios do Inter contra Cianorte | Foto: Cianorte FC / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Fabrício Falkowski

O acanhado Albino Turbay, em Cianorte, será palco de mais um compromisso do Inter na Copa do Brasil. Bem diferente das arenas que o time colorado acostumou-se a atuar, o estádio tem apenas 2,5 mil lugares e grama de jardim, que deixa o jogo um pouco mais lento. Todos os ingressos foram vendidos, prenúncio da casa cheia.

O Cianorte, que utiliza o estádio construído em 1958 pela prefeitura da cidade, não perde no local há exatos dois anos. Já são mais de 20 partidas de invencibilidade.

Até por isso, o presidente do clube, Lucas Franzato, manteve a partida contra o Inter no Albino Turbay, apesar de ter ofertas para transferi-lo para outras cidades da região. “Manter o jogo aqui é uma forma de premiar os nossos torcedores”, afirmou o dirigente, há alguns dias.