Astro coreano de k-pop morre aos 32 anos após contrair coronavírus

Astro coreano de k-pop morre aos 32 anos após contrair coronavírus

Lee Chin Hoon era portador de problemas linfáticos e não resistiu aos efeitos do covid-19 no corpo

Por
R7

Cantor de k-pop não resistiu aos efeitos nocivos do Covid-19 por ser portador de uma doença linfática


publicidade

Destaque do programa de TV "Ulzzang Generation", Lee Chi Hoon, de 32 anos, morreu nesta quinta-feira após contrair coronavírus na Coreia do Sul. O cantor de k-pop não resistiu aos efeitos nocivos do Covid-19 por ser portador de uma doença linfática, o que o insere no grupo de risco da doença.

Nos últimos dias, ele já havia falado sobre a possibilidade de estar infectado. "Eu visitei o hospital há dois dias, por causa da minha inflamação linfática. Mas hoje estou sentindo dores pelo corpo muito fortes. Espero que não seja o coronavírus", afirmou ele na ocasião. "Não tenho força para segurar o mouse, então estou escrevendo esse post no celular" .


O funeral de Hoon será realizado na próxima segunda-feira. "Ulzzang Generation" é um programa que estreou há mais de uma década na Coreia do Sul e que consiste em uma competição para descobrir os jovens mais carismáticos do país.