Congresso Brasileiro de Arquitetos começa hoje em Porto Alegre com enfoque em questão cultural
capa

Congresso Brasileiro de Arquitetos começa hoje em Porto Alegre com enfoque em questão cultural

Edição de número 21 da iniciativa terá diversas atrações na Capital

Por
Correio do Povo

Orquesta Villa-Lobos dará abertura ao evento

publicidade

Cultura e ocupação de espaços públicos estão no centro da programação cultural do 21° Congresso Brasileiro de Arquitetos, com realização de hoje até sábado, em diferentes locais do Centro Histórico de Porto Alegre. Promovido pelo Instituto de Arquitetos do Brasil, com a copromoção do Conselho de Arquitetura e Urbanismo e diversas entidades parcerias, o tema em discussão é “Espaço e Democracia”.

Poderão ser conferidas dez atrações gratuitas de música, teatro e performance, conferências, debates, oficinas, minicursos, palestras, plenária e uma feira de arquitetura na Praça da Alfândega. A abertura, hoje, às 21h30min, será com apresentação da Orquestra Villa Lobos e espetáculo “Paz & Amor”, no Araújo Vianna (Osvaldo Aranha, 685). A inspiração é “Hair” (Broadway, 1968), com músicas entre pop, rock, reggae, samba, choro, afro e erudita. A retirada de senhas para o evento ocorre a partir das 16h. 

O grupo Povo da Rua Teatro de Grupo leva o “Os Dez Mandamentos da Capital” para o Largo Glênio Peres, nesta quinta, em pleno meio dia. A performance mostra um grupo de pessoas descontentes com o modelo de cidade que aprisiona, angústia e “coisifica” sentimentos e afetos. À noite, às 19h, na Praça da Alfândega, junto à Sepúlveda, o grupo percussivo Alabê Ôni mostra sua manifestações dos tambores que tocam historicamente o Rio Grande do Sul. 

Participam ainda da agenda: Adriana de Los Santos, Três Marias, Tribo de Atuadores Oi Nóis Aqui Traveiz, Giz Jazz Trio, Coletivo das Flor “Kraft”, Inserções em Circuitos Ideológicos e Trabalhos Espaciais Manuais.

Entre as mostras em cartaz estão “Francisco Riopardense de Macedo: Vida e obra”, “Xamã: Exposição de arquitetura contemporânea na Amazônia”, “Cartas da Cidade” na Alfândega. O Solar do IAB (General Canabarro, 363) recebe “Sensibilização do Olhar – A presença da ausência”, organizada pelo fotógrafo Leandro Anton. 

O Congresso presta homenagem à arquiteta gaúcha Briane Panitz Bicca (in memorian), nome ativo na preservação do Patrimônio Histórico Cultural. A programação completa está disponível no site do evento.