De Olivia Rodrigo a Justin Bieber: relembre fenômenos adolescentes

De Olivia Rodrigo a Justin Bieber: relembre fenômenos adolescentes

Cantora, que bateu recordes com "driving license", puxa lista de artistas que começaram muito jovens na música; dono de "Baby" bombou aos 15 anos

R7

Olivia Rodrigo bateu recordes com "driving license". Justin Bieber, dono de "Baby", bombou aos 15 anos

publicidade

Olivia Rodrigo estreou no topo das paradas da Billboard com drivers license e o sucesso repentino, que a fez quebrar diversos recordes, chamou atenção da mídia. Aos 17 anos, a artista fez história ao alcançar diretamente o primeiro lugar dos charts. Contudo, ela não é a primeira cantora que se tornou um fenômeno adolescente. Justin Bieber também bombou com o hit Baby quando tinha apenas 15 anos. Relembre outras celebridades que também chegaram cedo ao estrelato.

Olivia Rodrigo, que já participou de High School Musical: A Série: O Musical, também fez sucesso com a música All I Want e começou a carreira com apenas 12 anos ao aparecer em American Girl: A Receita Para O Sucesso.

Manu Gavassi também entrou na indústria musical quando era adolescente. A cantora, atualmente com 28 anos, estreou com o álbum Manu Gavassi, em 2010. Na época, ela tinha apenas 18 anos.

Taylor Swift já acumula mais de 10 anos de carreira. O primeiro álbum da cantora foi lançado em 2006, aos 17 anos, e já carregou diversos hits, como Tim McGraw, Teardrops In My Guitar e Picture To Burn. Desde então, a compositora carrega uma longa lista de prêmios e discos. Em 2020, ela se juntou aos Beatles e Rolling Stone ao divulgar dois trabalhos no mesmo ano: Folklore e Evermore

Com 15 anos, Justin Bieber estreou com Baby, em 2010, e uma "febre" pelo cantor começou a tomar conta do mundo. O artista, no entanto, enfrentou problemas com drogas e de saúde mental e, por isso, deu uma pausa na carreira depois de lançar Purpose, em 2015. Porém, ele resolveu se aventurar por diferentes gêneros do que o pop que está acostumado. O cantor lançou o disco Changes, em 2020, e trouxe uma pegada mais R&B para a carreira.

Avril Lavigne começou a carreira com apenas 17 anos ao lançar Complicated, do álbum Let Go. O hit foi um sucesso em 2002 e fez com que a cantora recebesse o apelido de "princesinha do pop" pelo novo estilo musical que trazia para a indústria na época.

Demi Lovato é cria da Disney. A cantora, que começou a carreira em Barney e Seus Amigos, estreou filmes, séries e canções pela marca. Nascida em 1992, a artista estourou quando ainda era uma adolescente com músicas como Don't Forget, de 2008, e Here We Go Again, de 2019. 

Miley Cyrus também começou a carreira ainda jovem na Disney e, ao mesmo tempo em que lançava a série Hannah Montana, ela vivia o melhor dos dois mundos: também apostava na vida de cantora com a personagem. Músicas como True Friend e Best Of Both Worlds trouxeram sucesso imediato à artista.

Selena Gomez, assim como Demi Lovato, estreou a carreira em Barney e Seus Amigos. Inclusive, foi quando as duas se conheceram e começaram a amizade que durou até a adolescência. Porém, ela só começou na música depois que ingressou na Disney ao lançar hits como Tell Me Something I Don't Know, aos 17 anos.

Britney Spears lançou Baby, One More Time, em 1999, quando ela tinha apenas 18 anos. O disco, que foi um sucesso, levou músicas como (You Drive Me) Crazy e o hit homônimo ao disco ao topo das paradas na época.

O primeiro single de Billie Eilish foi lançado quando ela tinha apenas 13 anos. A cantora estreou Ocean Eyes, música escrita com o irmão, Finneas O'Connel, e foi conquistando o mundo aos poucos. Depois do lançamento de Bad Guy, Billie foi a vencedora de diversas categorias do Grammy e consolidou a carreira aos 18 anos.

Zé Felipe, de 22 anos, nasceu em família de artista. O músico seguiu os passos do pai, o sertanejo Leonardo, e, em 2014, estreou na indústria musical com o álbum Você e Eu. Ele tinha apenas 16 anos.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895