Drive-thrus de vacinação em Caxias do Sul contarão com música

Drive-thrus de vacinação em Caxias do Sul contarão com música

Ação Toque de Esperança levará alento e alegria a dois pontos da cidade serrana, pelas próximas semanas

Correio do Povo

Estreia será nesta quinta-feira, a partir das 8h com a distribuição dos lanches e mimos aos trabalhadores da saúde e às 9h, com as apresentações musicais – coincidindo com o horário de início da vacinação.

publicidade

A partir desta quinta-feira, dia 22, quem estiver nas filas de vacinação da Covid-19 nos dois drive-thrus fixos de Caxias do Sul (nos Pavilhões da Festa da Uva e na Rua Plácido de Castro – Maesa) será recepcionado com música, entoada por violinos, saxofones, trompetes, trombones e acordeons de artistas locais, que irão levar uma mensagem de alento e alegria. Com o intuito de proporcionar um momento de leveza, descontração, empatia e esperança em dias melhores, a iniciativa faz parte da ação Toque de Esperança, em uma promoção da Prolar Imobiliária Inteligente. 

Foram contratados os músicos Daniel Balconi (flauta), Everton Bragagnollo (trompete), Eder Bergoza (piano), Fernando Viganó (acordeon), Gilberto Salvagni (saxofone), Paulo Fernando Ferreira (trombone), Paulo Johan (saxofone) e Rodrigo Maciel (violino) para as apresentações. Estão previstas duas intervenções semanais simultâneas, com início sempre às 9h e 1h de duração, durante os próximos três meses. Além disso, o Cardume, grupo de colaboradores voluntários da Prolar, fará a entrega de refeições e mimos aos cerca de 70 profissionais da saúde envolvidos na vacinação nos dois locais em Caxias. A ação tem o apoio da Secretaria Municipal da Cultura e da Secretaria Municipal da Saúde. A estreia será nesta quinta-feira, a partir das 8h com a distribuição dos lanches e mimos aos trabalhadores da saúde e às 9h, com as apresentações musicais – coincidindo com o horário de início da vacinação.

A iniciativa Toque de Esperança tem como objetivos enfatizar a importância de as pessoas manterem os cuidados e a prevenção do vírus com a vacinação; gerar oportunidades de trabalho e renda aos músicos e artistas locais, uma vez que a classe artística é uma das mais impactadas pela pandemia; homenagear os profissionais da saúde, esses heróis que estão na linha de frente e que começam a ficar esquecidos em um mundo que parece estar se “acostumando” com a pandemia; e exercitar a generosidade, a ação solidária e a cidadania dos voluntários do grupo Cardume de voluntários Prolar.

Essa é a quarta ação cultural e comunitária que a Prolar promove desde o início da pandemia. Logo no início da quarentena, em abril de 2020, aconteceu o “Música #ProlardaGente”, que levou música para 120 condomínios de Caxias do Sul ao longo de três finais de semana, encerrando com apresentações nos hospitais e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Central. Em seguida, ocorreu “Abraços #prolardagente”, que levou abraços e reencontros por meio de uma cortina de plástico aos moradores de um grande condomínio caxiense. O edital “Sarau Cultural #arteprolardagente” contemplou projetos de artistas locais em oito setores das artes, e os trabalhos vencedores foram apresentados na Galeria do Sarau Cultural Virtual da Prolar #arteprolardagente na 36ª Feira do Livro de Caxias do Sul. No encerramento de 2020 foi a vez do “Projeto Natal Itinerante”, que percorreu ruas e bairros de Caxias do Sul em um emocionante espetáculo cênico-musical durante três noites que antecederam o Natal.

“Todas essas ações que fizemos nos trazem muito orgulho e satisfação. Apoiar a classe artística e a comunidade de Caxias nestes momentos difíceis e homenagear os profissionais da saúde nos amadurecem como organização e nos engrandecem como seres humanos, sócios, colaboradores e parceiros da Prolar. Também nos fazem sentir parte ativa na construção de uma história de solidariedade e de superação dos caxienses”, destaca Thiago Dalla Vecchia, sócio-diretor da Prolar e gestor do grupo Cardume.


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895