"Fico com sono", diz Fernando Meirelles sobre filmes da Marvel

"Fico com sono", diz Fernando Meirelles sobre filmes da Marvel

Pedro Almodóvar também criticou as histórias dos super-heróis

Correio do Povo

Fernando Meirelles também opinou sobre os filmes da Marvel

publicidade

Os filmes da Marvel continuam sendo tema entre o círculo de diretores consagrados do cinema internacional. Após Martin Scorsese e Francis Ford Coppola, agora foi a vez do brasileiro Fernando Meirelles ser questionado sobre as produções. 

Em divulgação do seu primeiro projeto com a Netflix, "Dois Papas", o diretor revelou que acha interessante a técnica dos filmes, mas que logo perde o interesse. "Eu sei que eles são grandes, mas eu não os assisto. Quero dizer, eu gosto da técnica, às vezes assisto fragmentos e trailers e me interesso pelos efeitos especiais e a produção, que são realmente espetaculares, realizados por pessoas de primeira classe", contou em entrevista ao site The Hollywood Reporter

"Mas não consigo me envolver com a história, fico com sono. Às vezes eu assisto no cinema e depois de meia hora estou com sono. Não me interessam em nada", completou o diretor de "Cidade de Deus" e "O Jardineiro Fiel". 

Pedro Almodóvar também não poupou críticas aos personagens dos filmes da Marvel. Para o site Vulture, o cineasta espanhol disse que falta sexualidade nas histórias. "Aqui (Estados Unidos), talvez exista um tipo de autocensura que não permita que os escritores escrevam outros tipos de histórias", respondeu para a publicação durante o evento de 50 anos do Lincoln Center. 

"Existem muitos filmes sobre super-heróis. E a sexualidade não existe para super-heróis. Eles são castrados. Há um gênero não identificado, a aventura é o que é importante. Você pode encontrar, entre filmes independentes, mais dessa sexualidade. O ser humano tem tanta sexualidade! Tenho a sensação de que na Europa, na Espanha, tenho muito mais liberdade do que se trabalhasse aqui", citou o diretor de "Tudo Sobre Minha Mãe" e o recente "Dor e Glória". 

Muitos dos envolvidos nas produções do Universo Cinematográfico Marvel (MCU) saíram em defesa dos seus filmes como o diretor James Gunn, a atriz Natalie Portman e Robert Downey Jr. 

Em "Dois Papas", novo filme de Meirelles, traz Anthony Hopkins e Jonathan Pryce estrelando um retrato intimista sobre um momento decisivo na história da Igreja Católica. A produção chega na Netflix no dia 20 de dezembro. 

Confira o trailer: 


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895