Filmes brasileiros que estreiam hoje apostam em drama e suspense
capa

Filmes brasileiros que estreiam hoje apostam em drama e suspense

Trama "O Juízo" narra um acerto de contas que leva mais de 200 anos para se concretizar

Por
Correio do Povo

"O Juízo" traz no elenco a consagrada Fernanda Montenegro

publicidade

Em meio a safra elogiada e aplaudida do cinema brasileiro dos últimos tempos, chega hoje aos cinemas dois novos títulos. O primeiro deles é “Ainda Temos a Imensidão da Noite”. Com direção de Gustavo Galvão, o filme reúne as atuações de Ayla Gresta, Gustavo Halfeld, Steven Lange, Vanessa Gusmão, Hélio Miranda, Marat Descartes, Bidô Galvão, Fernando Teixeira, Clemente Nascimento e Pit Bukowski.

Na trama está a jovem Karen, que vive com os pais e está cansada de lutar por um lugar ao sol com sua aguerrida banda de rock, onde é vocalista e trompetista. A garota decide então que quer ir embora de Brasília, cidade que seu avô ajudou a construir. Ela segue os passos do ex-parceiro de banda Artur, que tenta a sorte em Berlim, na Alemanha. O convite parte de Martin, amigo alemão com quem fecham triângulo imprevisível. A narrativa acompanha os jovens em suas buscas e nos encontros e desencontros de suas vidas.

Acerto de contas

A outra novidade brasileira nos cinemas é a estreia do filme “O Juízo”, de Andrucha Waddington escrito por Fernanda Torres. Trata-se de um suspense sobrenatural que narra um acerto de contas que leva mais de 200 anos para se concretizar. Na tela, a história de Augusto Menezes (Felipe Camargo) que está em crise no casamento com Tereza (Carol Castro).

Na esperança de colocar sua vida nos eixos, o homem, depois de perder o emprego na cidade e sofrer com o alcoolismo, decide mudar-se com a companheira e o filho Marinho (Joaquim Torres Waddington em sua estreia nos cinemas) para uma fazenda herdada do avô. Mas a propriedade carrega uma história de traição e vingança que pode custar mais caro a Augusto e sua família do que ele imaginava.

“O Juízo” também traz no elenco as atuações de Criolo e Kênia Bárbara, que vivem Couraça e Ana, dois escravos determinados a se vingar dos antepassados de Augusto, por traição no passado. A veterana e talentosa atriz Fernanda Montenegro interpreta Marta Amarantes; o ator Fernando Eiras vive o psiquiatra Doutor Lauro; e o elogiado Lima Duarte está no papel do joalheiro Costa Breves.