capa

Hailey Bieber desabafa sobre ansiedade

Modelo relatou como foi lidar com o transtorno em meio à vida de artista

Por
AE

Hailey afirmou que as pessoas se enganam ao relacionar sucesso com felicidade

publicidade

Hailey Bieber acumula quase 20 milhões de seguidores no Instagram e assina contratos gigantescos com grifes de sucesso. Porém, por trás da fama, a modelo enfrenta momentos delicados. Em entrevista à revista Glamour americana, Hailey revelou como lidou com os difíceis sintomas da ansiedade em meio à vida e rotina de uma artista.

"Eu li um livro há um ano e meio quando estava sofrendo muito com a ansiedade - estava muito, muito mal. Não conseguia dormir. Estava passando por isso e li um livro chamado Mindsight. Foi escrito por um médico chamado Daniel Siegel, e ele ensina esse tipo de meditação", explicou a modelo.

Em seguida, ela esclareceu que a prática não tem relação alguma com qualquer tipo de religião. "É sobre saber que você não precisa ser controlado por seus pensamentos, você pode assumir o controle."

Além da meditação, Hailey destaca a importância da terapia e da fé como instrumentos de cura. A modelo acredita que, por muito tempo, houve um estigma acerca do assunto, principalmente no mundo dos artistas.

"As pessoas olham para celebridades que são famosas ou bem-sucedidas e acham que elas têm tudo certo. Tipo, elas têm uma carreira insana, ou fazem muito dinheiro, portanto deveriam ser felizes. Mas isso é meio que o oposto. As pessoas me perguntavam: 'Como você está?', e eu respondia: 'Tudo bem, estou bem'. Mas, na verdade, eu estava chorando no meu quarto de hotel a noite inteira", desabafou.