Harry e Meghan passam o Natal no Canadá e príncipe Philip se recupera

Harry e Meghan passam o Natal no Canadá e príncipe Philip se recupera

Príncipe Philip, com 98 anos, foi internado nesta sexta-feira e também poderá se ausentar das comemorações

Por
AFP

Harry Meghan tiraram férias prolongadas das funções reais


publicidade

O príncipe Harry e sua mulher, Meghan, que não celebrarão o Natal com a rainha Elizabeth II, da Inglaterra, passam férias em família no Canadá com seu bebê, Archie, informou uma porta-voz do casal. Harry e Meghan tiraram férias prolongadas das funções reais, após suas dificuldades com a exposição pública serem reveladas em um documentário, em outubro.

"Esta decisão de se instalarem no Canadá reflete a importância daquele país da Comunidade Britânica para eles", comentou a porta-voz, assinalando que o casal aprecia "a simpatia do povo canadense e a beleza da paisagem local ao lado de seu filho", nascido em maio. "O duque de Sussex viaja com frequência ao Canadá há anos, e a duquesa viveu naquele país por sete anos, antes de entrar para a família real", explicou a fonte.

Meghan Markle, ex-atriz americana, morou em Toronto quando participou da filmagem da série "Suits". Em novembro, o casal anunciou que passaria o Natal com a mãe de Meghan, Doria Ragland, e não com a rainha, 93, em Sandringham, Inglaterra, onde a família real britânica costuma passar as festas de fim de ano.

O príncipe Philip, 98, marido da rainha, também poderá se ausentar de Sandringham, por ter sido internado ontem em um hospital de Londres devido a "problemas de saúde preexistentes". Segundo a imprensa britânica, ele chegou ao hospital caminhando, e permanecerá internado por alguns dias.


O tabloide britânico "The Sun" afirmou que Philip está com a saúde fragilizada há um mês, por ter sofrido uma queda que o obrigou a ficar de cama por alguns dias. Outro tabloide, "Daily Mail", afirmou que ele foi levado para o hospital de helicóptero, e que apresenta sintomas de gripe. A internação de seu marido não impediu a rainha de fazer o trajeto inverso e deixar Londres na manhã desta sexta-feira, rumo a Sandringham.