Margs recebe feira de artes e festival Kino Beat neste fim de semana

Margs recebe feira de artes e festival Kino Beat neste fim de semana

Atividades gratuitas ocorrem nas galerias das Pinacotecas do museu

Correio do Povo

Atividades gratuitas ocorrem nas galerias das Pinacotecas do museu

publicidade

O Museu de Artes do Rio Grande do Sul (Margs) terá uma programação especial e gratuita neste fim de semana nas galerias das Pinacotecas, que ocorrem durante a troca de exposições do museu. No sabádo, das 10h às 19h, os visitantes podem conferir a nova edição da feira de artes A Prensa, que reúne trabalhos em cerâmica, fotografia, gravura, bijuteria, moda e publicações. Ao todo, serão 30 expositores que estarão divulgando e comercializando suas produções. 

Já no domingo, a partir das 15h, o Margs recebe parte da programação do 6º Kino Beat – Arte Movimento. O festival ocorre de 26 de novembro a 01 de dezembro em diversos pontos culturais de Porto Alegre. De acordo com o curador do projeto, Gabriel Cevallos, o Kino 2019 se desenvolve a partir de premissas que convidam à reflexão sobre algumas urgências do presente. “Estas ideias iniciais, substituem uma palavra central ou um tema fixo para esta edição, e lançam de forma aberta possibilidades para se sentir o mundo em conjunto – ficção, natureza, percepção, conciliação, território, mutação, esperança, mundos possíveis: estes são alguns dos pontos de partida para se imaginar o festival deste ano”, revelou. 

Assim, o Margs recebe duas das atividades do Kino Beat que compõem um universo chamado "Perspectiva Amazônia". Através do som e de narrativas orais, o Projeto Sonora convida o público a imergir em um museu imaginário de história natural da Amazônia, dentro de um museu real em Porto Alegre. Ao todo, serão duas sessões (15h e 16h30min) para o limite de 50 participantes.

Dentro de uma mesma perspectiva amazônica, Tomaz Klotzel apresenta, a partir das 18h deste domingo, uma investigação sobre a memória reminiscente em locais de assassinatos por disputa de terra na região Sul e Sudeste do Pará. Duas programações que bifurcam a percepção sobre o mesmo território, em comum, a prática documental para o registro das atividades do ser humanonatureza. A programação completa e todas as atrações podem ser conferidas no site do Festival.

 


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895