Mostra de Teatro Online para a Infância oferece quatro espetáculos de três regiões

Mostra de Teatro Online para a Infância oferece quatro espetáculos de três regiões

Atrações das regiões Norte, Nordeste e Sudeste podem ser conferidas deste sábado até o Dia das Crianças, sempre às 16h

Correio do Povo

"Cabelos Arrepiados", atração da abertura, flerta com a literatura fantástica de escritores como Wilhelm Busch e Edgar Allan Poe, além da cinematografia de Tim Burton.

publicidade

Deste sábado até a próxima terça, 12 de outubro, o palco virtual do Teatro WeDo! será exclusivo para as crianças, com a realização da TOI – Mostra de Teatro Online para Infância. Serão quatro espetáculos das regiões Norte, Nordeste e Sudeste com apresentações virtuais, sempre às 16h, em comemoração ao Dia das Crianças. Informações nos sites teatrowedo.com e wedoentretenimento.com.

A abertura, hoje, fica por conta da Buia Teatro, de Manaus (Amazonas) com a "Cabelos Arrepiados". No domingo, dia 10 de outubro, é a vez de "Eu Palhaço", de Marcelino Câmara, de Fortaleza (Ceará). Já na segunda-feira, dia 11 outubro, a Constância Cia. de Teatro, da cidade de Pindamonhangaba (São Paulo) traz à cena o infantil "Detrás das Nuvens" e a WeDo! Entretenimento encerra a programação na terça, dia 12 de outubro, com "Os Príncipes e o Tesouro".

Programação:

9 outubro (sábado) - 16h 
Cabelos Arrepiados - Buia Teatro (Manaus/Amazonas)
Onze dias foi o tempo máximo que um ser humano conseguiu ficar acordado, mas como seria se as pessoas não precisassem dormir? No musical, cinco crianças insones tiveram seus sonhos roubados e enfrentam os perigos gerados pelos maus pensamentos e pelos sonhos ruins ao mesmo tempo que refletem sobre valores importantes, como a amizade e união entre irmãos, o diálogo com os pais e os perigos da destruição do meio ambiente e do consumismo.
Com texto de Karen Acioly e direção de Tércio Silva, o espetáculo, que mescla teatro e cinema, foi totalmente adaptado para as plataformas digitais e flerta com a literatura fantástica de escritores como Wilhelm Busch e Edgar Allan Poe, além da cinematografia de Tim Burton. No elenco, Maria Antônia Hagge, Gabriel Anjos, Magda Loiana, Davi Lopes, Jeferson Mariano e Wagner Farias 
Classificação livre. 
Duração: 50min

10 de outubro (domingo) - 16h
"Eu Palhaço" - Marcelino Câmara (Fortaleza/Ceará)
A peça utiliza uma linguagem simples e objetiva para o público de todas as idades, trazendo a figura do palhaço como tema central. Ela conta a trajetória de um personagem que está com muita fome e muito azar, mas mesmo assim tenta participar de um concurso de música. O palhaço, que se apresenta até os dias de hoje como um personagem universal do entretenimento e de fácil aceitação para toda família, canta, dança, toca instrumentos musicais, faz mágica e conta histórias se tornando multimídia. O argumento, execução e direção são de Marcelino Câmara, com roteiro de Dacosta Gomes. 
Classificação livre. 
Duração: 31min
 

11 de outubro (segunda-feira) - 16h
"Detrás das Nuvens" - Constância Cia. de Teatro (Pindamonhangaba/São Paulo)
Baseado no texto "O Menino Detrás das Nuvens", de Carlos Augusto Nazareth, o experimento audiovisual mescla artes cênicas, música e poesia e conta a história de uma criança que guarda dentro de si um enorme desejo de conhecer o mundo e saber o que existe além daquilo que os olhos alcançam. Com o objetivo de quebrar o padrão social estabelecido, onde as meninas não devem ser aventureiras, ter desejos e enfrentar seus medos por serem demasiadamente frágeis, o espetáculo traz uma protagonista menina. O experimento busca levar ao público a reflexão sobre seus desejos, vontades, medos, e como esse desejo pode nos levar a diante, conhecendo o mundo e a nós mesmos. Com direção de  Laila Gama, tem no Bruno Soares, Ingrid Bonkowski e Laila Gama
Classificação: livre
Duração: 48min

12 de outubro (terça-feira) - 16h
"Os Príncipes e o Tesouro" - WeDo! Entretenimento – (São Paulo/São Paulo)
Primeiro espetáculo infantil para o formato online do Teatro WeDo!,  é inspirado no conto de fadas LGBTQIA+ homônimo de Jeffrey A. Miles. A história mostra as peripécias da Princesa Helena para evitar o casamento real, que seu pai tanto quer, criando uma aventura inesquecível para os Príncipes Hugo, seu irmão, e Léo, seu pretendente, em busca do maior tesouro do mundo. A montagem mergulha no mundo dos games e animações, e traz uma linguagem cênica inovadora e ousada. As aventuras e as resoluções dos desafios vividos pelos personagens são decididas pelos espectadores, propondo a ideia das passagens de fase que existem nos jogos de videogame. Além disso, todo o cenário e alguns personagens da peça são animações em 2D e 3D, trazendo a proposta da utilização do Chroma Key. Unindo esta tecnologia, e com inspiração nas animações do universo Disney, a peça dialoga com a linguagem cartoon. A direção é de Carolina Guimarães; a dramaturgia, de Felipe Aidar e Isabela Purcino e no elenco, Tatiana De Marca, Felipe Aidar e João Mar. 
Classificação Livre
Duração: 75min.

 

 


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895