Nova plataforma virtual permite que humoristas interajam com a plateia

Nova plataforma virtual permite que humoristas interajam com a plateia

Através de painéis de alta definição, humoristas no palco do Poa Comedy Club podem acompanhar a reação da plateia em tempo real

Camila Souza*

Ator e comediante Cris Pereira interpreta seu personagem Gaudêncio no próximo evento da Claq, dia 28 de junho

publicidade

Quem acompanhava de perto os seus humoristas favoritos nos teatros e clubes de comédia, agora precisa se habituar às apresentações virtuais. Durante o período de distanciamento social, lives e podcasts foram algumas das soluções encontradas para seguir promovendo entretenimento ao público. Porém, faltava algo que antes só era possível nos palcos: a interação entre humorista e plateia. Pensando nisso, o Porto Alegre Comedy Club inaugurou a Claq, uma plataforma virtual que proporciona nova experiência e leva a reação do público até o comediante.

Na Claq, uma plateia conectada via streaming pode assistir aos shows dos humoristas que estarão no palco do Comedy Club. Através de painéis de alta definição, com tecnologia pesquisada no Vale do Silício, os comediantes também acompanham a reação dos espectadores em tempo real, podendo interagir a qualquer momento. A Claq foi lançada através de uma parceria entre o Comedy, a Artistaria Produtora de Humor e a Optimize. 

Quem idealizou o projeto foi o proprietário da produtora e também sócio do clube, Luciano Barth. Ele conta que a plataforma levaria seis meses para ser desenvolvida, mas o processo foi agilizado e estreou no dia 8 de junho, marcando a comemoração de um ano de existência do clube de comédia. Os humoristas Nando Viana, Afonso Padilha e Thiago Ventura participaram do primeiro evento. “A interatividade é importante. Um público de quase 3 mil pessoas esteve conectado. Foi um resultado muito positivo”, diz Barth. A segunda edição da Claq vai contar com melhorias. “Vai ter diferença na questão de áudio. Também queremos fazer uma espécie de ‘rodízio’ do público no painel, para que todos que estiverem conectados participem da plateia”, explica o empresário.

Humorista e plateia conectados

Mesmo com recursos tecnológicos disponíveis, fazer humor em tempos de incertezas pode ser um desafio. “A principal dificuldade é não saber quando a gente volta, isso ainda não sabemos lidar” conta o comediante Cris Pereira, próxima atração da Claq. Ele explica que o contato com o público faz falta nesse período. “Sou movido pelo abraço da plateia, atender as pessoas no final do show e fazer fotos com elas é a minha maior saudade”, diz. A novidade chega para que os humoristas se aproximem da sensação de interação que acontece no palco. “Por mais que pareça, não é uma live, mas uma apresentação interativa. É muito bacana para esse momento”, afirma.

Cris Pereira vai interpretar o personagem Gaudêncio no próximo evento, dia 28 de junho, às 19h. E quem pretende assistir ao show, pode esperar algo bem diferente do que é visto nos palcos. Isso porque, segundo o comediante, a Claq representa uma nova forma de fazer humor e precisa de um produto específico. “Ela permite que a gente saia totalmente da zona de conforto, é um jogo de improviso. Acho que o diferencial é justamente isso”, destaca.

Os fãs de comédia podem aguardar novidades nos meses seguintes. De acordo com o empresário Luciano Barth, a ideia é disponibilizar os conteúdos da Claq em um serviço de streaming para que o público consiga acessar apresentações anteriores, além de assistir a shows inéditos todo mês. “Queremos trazer novidades sempre”, diz Barth. As informações sobre o próximo evento com Cris Pereira estão disponíveis no site da Claq

 

*Sob a supervisão do editor Luiz Gonzaga Lopes


Mais Lidas

Guia de Programação: a grade dos canais da TV aberta desta quarta-feira, dia 1 de maio de 2024

As informações são repassadas pelas emissoras de televisão e podem sofrer alteração sem aviso prévio

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895