Série que homenageia obra de Domingos Oliveira começa a ser gravada
capa

Série que homenageia obra de Domingos Oliveira começa a ser gravada

Cineasta morreu em março, aos 82 anos

Por
AE

Série "Todas as Mulheres do Mundo", mesmo nome de filme que consagrou o cineasta, ainda não tem data de estreia

publicidade

Os atores Lília Cabral, Matheus Nachtergaele, Emilio Dantas e Martha Nowil, entre outros, já estão participando das gravações de "Todas as Mulheres do Mundo", série que homenageia a obra do autor, diretor e dramaturgo Domingos Oliveira, que morreu em março deste ano, aos 82 anos.

Cabral fará participação especial como Dionara, mãe de Paulo (Emilio Dantas), em um dos 12 episódios da série. Ainda sem data de estreia prevista, "Todas as Mulheres do Mundo" é escrita por Jorge Furtado com Janaína Fischer, livremente inspirada na obra de Domingos Oliveira, com direção artística de Patricia Pedrosa.

Oliveira nasceu no Rio de Janeiro, em 28 de setembro de 1936. Formou-se em Engenharia Elétrica na Escola Nacional de Engenharia (ENE), mas nunca exerceu a profissão. Antes de despontar como diretor e roteirista, com o filme que dá título à série, trabalhou como assistente de direção do cineasta Joaquim Pedro de Andrade. O cineasta dirigiu mais de 18 filmes, tendo sido roteirista da maioria deles.

Universo feminino em destaque

Nos últimos projetos, também atuou como diretor. Com a filha caçula, a atriz e escritora Maria Mariana criou, na década de 1990, a série "Confissões de Adolescente". Baseada nos diários da atriz, o projeto teve versões para o cinema, teatro e televisão. Quase todos carregam a marca de Oliveira, que ficou conhecido como um importante cronista do universo feminino e das relações amorosas da atualidade. Mesmo sofrendo de Mal de Parkinson, Oliveira permaneceu trabalhando até o fim.