Bela mas malévola

Bela mas malévola

publicidade

"Malévola", direção de Robert Stromberg, conta a história da fada boazinha, portadora de chifres e asas, que tornou-se má após uma desilusão amorosa. "Malévola" é vivida por Angelina Jolie, e era um doce de pessoa vivendo e cuidando do reino fantástico de Moors e suas criaturas mágicas. Ela, porém, se encanta pelo jovem humano Stefan, que no entanto, tem aspirações maiores - ser rei no reino vizinho. E ele consegue o seu intento após lubridiar Malévola, arrancando suas asas e entregá-la ao rei moribundo, que passa o posto para ele.
Magoada, Malévola roga uma praga no dia do batismo da filha de Stefem, a princesa Aurora. Ela entrará em sono profundo ao completar 16 anos e espetar o dedo numa roca. Então Aurora (Elle Fanning) é levada por três fadas para a floresta, para escapar de seu destino. "Malévola" tem belas imagens, é bem editado, e cenas divertidas, principalmente quando envolve as três protetoras da princesa, vividas por Juno Temple, Imelda Staunton e Lesley Manville. O problema do filme, porém, é a atriz principal, Angelina Jolie, que está péssima no papel da fada-má. Careteira, com poses exageradas, ela estraga todo o momento em que surge em cena. Beleza não é tudo.
Chico Izidro

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895