Economista compartilha dicas de moda para ambiente corporativo

Economista compartilha dicas de moda para ambiente corporativo

Michelle Castro criou um projeto online sobre autoestima e estilo para mulheres executivas

Lou Cardoso

Economista Michelle Castro criou projeto Mundo Executiva

publicidade

A economista Michelle Castro viu na moda, e nas rede sociais, a oportunidade de elevar a autoestima de mulheres que, assim como ela, vivem em um mercado tão masculino: o corporativo. No projeto Mundo Executiva, ela dá dicas de estilo para empreendedoras e profissionais liberais ou que possuem cargos importantes em grandes empresas. "O ambiente corporativo sempre causa muitas dúvidas nas mulheres do que vestir para se manter elegante, confiante e confortável. A roupa diz muito sobre a nossa personalidade e transmite muitas mensagens. Por isso é muito importante estarmos atentas ao que vestimos, pois tudo comunica", afirmou. 

É no perfil no Instagram, com mais de 90 mil seguidores, que Michelle tem maior contato con o público. "Ser transparente e verdadeira com o meu  público é fundamental para conectar o que realmente importa. Isso gera identificação e conecta com o que é útil e relevante", disse. A economista ministra, ainda, palestras e cursos sobre o assunto. 

Peças essenciais 

Segundo Michelle, uma das dicas que sempre funciona, na hora de compor o look, é pensar que menos é mais. Para ela, toda mulher que trabalha no meio corporativo precisa ter no closet as seguintes peças que são essenciais: calça de alfaiataria preta, regata de tecido leve, blazer preto e Scarpin clássico, que pode ser salto alto ou aqueles baixinhos, com o famoso "salto bloco". "Esse conjunto todo de terninho feminino, abre muitas possibilidade de criar diferentes entre as peças e com o que você tem no closet. Além de aproveitar os acessórios como terceira peça e colocar um pouco mais de personalidade própria", indicou.

Outra dicas importante é pensar sempre no conforto das roupas. "A pessoa tem que estar atenta aos tecidos, de preferência, os mais leves, as calças com cintura alta e numeração adequada ao seu corpo, permitindo uma melhor mobilidade no dia a dia, além de sapatos confortáveis que possa te acompanhar o dia todo", comentou. Bermudas de alfaiataria, com comprimento ideal, e camisa clássica, sem bolso, são outros itens que ela recomenda, já que são peças coringas e podem ser usadas em diferentes ocasiões no ambiente corporativo.

Vestir o que te representa 

Para finalizar, Michelle ainda indica que usar a camisa ou o blazer sempre com as mangas puxadas, deixando os punhos amostra, transmite credibilidade. "Mas lembre-se, tudo isso vai fazer sentido se estiver vestindo o que realmente te representa, o que te deixa confortável e feliz com o que está usando", disse.

"A roupa é o reflexo da sua personalidade e comunica a mensagem que você deseja transmitir, por isso é essencial estar feliz com o que você enxerga no espelho antes de sair de casa", concluiu. 


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895