Especialista ressalta a importância de cuidados com a pele no verão

Especialista ressalta a importância de cuidados com a pele no verão

Filtro solar e água são os maiores aliados durante a estação

Lou Cardoso

Especialista alerta para se evitar a exposição ao sol nos horários de maior pico, que é das 10h às 15h

publicidade

O Verão é a época do ano em que a nossa pele está mais exposta ao sol devido ao calor. Logo, a vontade de usar peças mais fresquinhas é irresistível em meio às altas temperaturas no dia a dia. Mas é importante ressaltar que mesmo nesta estação, em que o corpo pede por roupas mais leves, os cuidados devem ser redobrados.

A Agência Internacional de Pesquisa em Câncer (IARC) estima que pelo menos 80% dos melanomas sejam causados pela exposição ao sol. O câncer de pele responde por 33% de todos os diagnósticos desta doença no Brasil, sendo que o Instituto Nacional do Câncer (INCA) registra, a cada ano, cerca de 185 mil novos casos. Sendo assim, cuidar da pele é de extrema importância para o ser humano, ainda mais no Verão.  

Segundo a especialista em Estética Avançada e docente da área da Beleza do Senac Taquara, Nathália Lehn, os cuidados básicos com a pele devem estar inclusos na rotina, como, por exemplo, evitar a exposição ao sol nos horários de maior pico de incidência solar, das 10h às 15h. "São nesses horários que a radiação ultravioleta está mais forte. Além disso, recomenda-se o uso do filtro solar específico para área facial e corporal, hidratante facial com ativos antioxidantes e anti-inflamatórios, ingestão de água e uso de roupas de proteção solar", afirmou. 

Em relação ao protetor solar, Nathália indica o uso de dermocosmético específico para cada área do corpo – facial e corporal – por conta dos seus veículos de permeabilidade na pele. Ela ecomenda o uso do produto com valores de fator de proteção solar (FPS) de 30 ou mais, de amplo espectro em relação aos filtros UVA e UVB, sendo indicado a reaplicação várias vezes ao dia. 

"Quanto mais alto o FPS, maior o tempo de permanência do dermocosmético na pele. O filtro solar deve ser usado diariamente, e não apenas em momentos de exposição em praias ou piscinas. É indicado também o uso de fotoprotetores orais, que complementam os filtros solares, protegendo a pele dos danos induzidos pela radiação solar", destacou. 

Hidratação corporal 

Segundo Nathália, deve-se também manter a hidratação corporal através da ingestão de, no mínimo, dois litros de água por dia, ajudando a regular a temperatura corporal e o funcionamento dos órgãos. "Elimina toxinas, ajuda na lubrificação de mucosas e age como um veículo de transporte de nutrientes. Isso contribui para a renovação celular e mecanismos linfáticos corporais", explicou. 

Em momentos na praia ou na piscina, o ideal é também fazer uso de barreiras físicas com o uso de chapéu, boné, óculos de sol e roupa de banho com fator de proteção solar. "Tudo isso é válido", comentou a docente.

Ela ainda alerta que após os banhos, é indicado higienizar a pele, pois o cloro encontrado em piscinas e o sal do mar desidratam a pele. Depois da higienização, recomenda-se novamente o uso do fotoprotetor. "O cuidado com a pele é de extrema importância, afinal, é o maior órgão que compõe o corpo humano e um dos mais importantes para o funcionamento metabólico, sendo essencial à sobrevivência devido às suas funções de barreira e proteção aos demais órgãos", finalizou. 


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895