Lingerie como ferramenta de autoestima, segurança e representatividade
capa

Lingerie como ferramenta de autoestima, segurança e representatividade

Por

publicidade

Foto: Dani Bat / Divulgação / CP


Roupa íntima é uma das peças mais complicadas para as mulheres encontrarem por aí. Principalmente se o seu corpo não for exatamente padronizado e que se encaixa facilmente nas lingeries de lojas de fast fashion.

A publicitária Priscilla Martinez criou o Atelier Boobtique após ouvir a frase "do seu tamanho não tem" e quis tornar esta peça tão delicada acessível para todo tipo de corpo, história e mulher. “A lingerie é a primeira peça de roupa que você veste e a última que você tira, por isso ela deve trazer conforto”, ressaltou Priscilla.

Junto com a mãe Lena Martinez, Priscilla atende no local físico do atelier ou à domicílio. Segundo ela, o objetivo da Atelier Boobtique é tornar disponível a lingerie sob medida para todas as mulheres, fazendo a diferença na vida delas através de peças que traduzem conforto e segurança.



 




Visualizar esta foto no Instagram.




 

Amor Perfeito; o sutiã perfeito! #blackbra #redbra #whitebra #bra #instalingerie #sobmedida #lingerie #boobtique #portoalegre #atelier



Uma publicação compartilhada por Boobtique (@atelierboobtique) em






Conforme Priscilla, a cliente participa de todo o processo de produção: desde a escolha da cor e dos detalhes até as últimas provas da peça. Como todas são feitas sob medida, existe a liberdade de trabalhar particularidades específicas. Assim, o atelier também atende clientes gestantes, lactantes e mulheres que passaram pela mastectomia. “Uma cliente nossa ficou agradecida porque disse que nós devolvemos a dignidade dela, pois as pessoas não precisam saber no primeiro olhar de toda a história pela qual ela passou”, destacou.

Cinco anos de confecção

No final deste ano, a Boobtique está completando cinco anos de experiência em confecção, modelagem e criação, mudando a forma como as mulheres encaram a lingerie. O atelier já confeccionou mais de mil sutiãs, lançou cinco coleções e realizou seis ensaios fotográficos.

“Nosso objetivo é que todas as mulheres tenham acesso a lingerie de qualidade, confeccionada de forma pessoal e única, celebrando a beleza da diversidade. Acreditamos que a moda deve estar ao teu dispor e não o contrário. Trabalhamos para que o poder de escolha esteja de volta à moda”, finalizou Priscilla.