Teck Nech: a síndrome que causa rugas e manchas por causa da tecnologia
capa

Teck Nech: a síndrome que causa rugas e manchas por causa da tecnologia

Tempo de uso dos produtos eletrônicos têm aumentado durante a quarentena e com isso os malefícios à saúde da pele

Por
Lou Cardoso

Queixa tem sido muito frequente pelo público feminino

publicidade

Você já ouviu falar em Tech Neck ou em rugas da tecnologia? Com o isolamento social, em decorrência da pandemia do coronavírus, estamos muito mais ligados aos aparelhos eletrônicos. Porém, o uso excessivo do celular, tablets e notebooks pode fazer mal não só à saúde, mas também à aparência. Não parece comum, mas o celular pode causar rugas e manchas na pele.

Segundo a médica especialista em Estética Médica, Dra. Fernanda Nichelle, Tech Neck é uma síndrome que pode cursar com dores na região cervical provocadas exclusivamente pelo vício postural. "São facilmente identificadas, pois ao fletir a cabeça na posição de leitura de um smartphone, a fratura da pele localiza-se sobre a rítide em questão evidenciando a causa da mesma", disse.

Geralmente, quando a pessoa olha para o celular, inclina a cabeça, se isso for por poucos minutos, tudo bem, indicou a médica. Mas se isso se repetir em muitos momentos do dia a dia, o movimento repetitivo pode provocar rugas horizontais na região do pescoço (que tem uma pele sensível e mais fininha) e até mesmo, facilitar a formação da temida papada.

Vício postural pode causar danos para pele. Foto: Pixabay / CP

A queixa da Tech Neck tem sido muito frequente pelo público feminino. "Não sabemos identificar se isso se dá pelo critério de exigência com a aparência ou se pelo fato de o homem usar barba, o que diminuiria a percepção da ruga", declarou a médica.

Quem continua trabalhando em home office durante a quarentena está mais exposto ao Tech Neck por causa da posição da região cervical. "A emissão de luz visível por estes aparelhos está ligada a outra queixa dos pacientes, como piora de manchas e acentuação do envelhecimento da pele, quando não estiverem devidamente protegidos", afirmou Nichelle. 

Correção postural 

Além disso, a luz emitida pela tela do celular, notebook ou tablete quando exposta à pele por muito tempo, pode ter um efeito semelhante ao dos raios solares e provocar manchas na pele ou agravar os quadros de quem já tem. Para evitar esse dano o ideal é usar um filtro solar com cor, pois o pigmento ajuda a proteger e diminuir os malefícios dessa luz.  

Conforme a Dra. Fernanda Nichelle, outra orientação para evitar estas manchas e rugas é prevenir a causa, ou seja correção postural. "Cremes, tratamentos a laser e biostimuladores de colágeno na região cervical são opções adjuvantes e não menos importantes no tratamento da queixa."

E para evitar as ruguinhas no pescoço, a médica indica ver o celular com a cabeça ereta e a tela direcionada na linha dos seus olhos. E, claro, procure controlar o tempo em que você passa mexendo em produtos eletrônicos.