Chegada dos despojos do ex-imperadores do Brasil ao Rio de Janeiro

Chegada dos despojos do ex-imperadores do Brasil ao Rio de Janeiro

Correio do Povo do dia 9 janeiro de 1921, domingo, noticiava:

Renato Bohusch

A chegada dos despojos dos ex-imperadores ao Rio de Janeiro.

publicidade

A repatriação dos despojos dos ex-imperadores

Rio, 8 - Cerca de 8 1/2 horas da manhã, o couraçado São Paulo, conduzindo os despojos dos ex-imperadores, deixou de bordejar fóra da barra, rumando para o poço dos navios de guerra com marcha vagarosa. Embarcados os esquifes, foram postos sobre eças, adrede installadas, no reducto a meia náo. Nesse local permaneciam sempre de sentinella duas praças do batalhão naval, que se revesavam de hora em hora, de dia e de noite. Os esquifes são pesadissimos, pois o revestimento dos caixões é de chumbo. Atravez dos vidros que o fecham pela parte de cima vêem-se os rostos dos cadaveres embalsamados. A physionomia de D. Pedro II está mais conservada que a da sua augusta esposa, a imperadora Thereza Christina. No trajecto, a officialidade do “São Paulo” procurou sempre manter um ambiente de respeito com as honras de chefe de Estado a que tinham direito os dois feretros.

DIVERSAS

Peste bubonica - No Passo das Pedras, distante duas leguas desta capital, acabam de se registrar varios casos de peste bubonica, 2 dos quaes foram fataes. Dali foram transportados para o Hospital de Isolamento tres enfermos, alguns dos quaes se encontram em estado grave. Para o local seguiram, hontem, alem de medicos da Hygiene, o dr. Pereira Filho, microbiologista, para examinar outras pessoas que apresentam symptomas de peste bubonica. No local onde se deram os casos estabeleceu-se o isolamento. Um outro caso fatal de peste bubonica foi tambem registrado no Passo da Mangueira, proximo do Passo das Pedras. O mau funccionamento do serviço telephonico tem difficultado os pedidos de auxilios ao Desinfectorio da Directoria de Hygiene, feitos do Passo das Pedras. Não só o apparelho da Directoria de Hygiene do dr. Campos Velho e Flores Soares e sr. Fernando Flores, chefe do desinfectorio não se acham funcionando. Ante-hontem, á noite, foi preciso que uma das pessoas á cavallo, viesse expressamente a esta capital para pedir providencias.

TELEGRAMMAS

Politica federalista

D. Pedrito, 8 - Esteve, aqui, acompanhado do dr. Gaspar Saldanha e do sr. Ernesto Labarthe, o coronel Raphael Cabeda, candidato federalista ás proximas eleições da Camara Federal. Foi elle recebido pela commissão do directorio local, tendo, durante o tempo em que aqui esteve, sido visitado pelos próceres do federalismo desse municipio. Hoje, seguiram para S. Sepé, afim de fazerem uma excursão politica por todo o 3º circulo eleitoral. A qualificação eleitoral continua a ser feita com enthusiasmo.

Homenagem a D. Pedro II

Pelotas, 8 - A “opinião Publica” presta significativa homenagem á d. Pedro II, cujos despojos são esperados hoje no Rio de Janeiro.

Edificio para séde da legação do Brasil

Lima, 8 - Os jornais apoiam a approvação pela Camara dos Deputados, da proposta de offerta de um edificio para séde da legação do Brasil nesta capital.

A grafia da época está preservada nos textos acima

CRONOLOGIA

O dia 9 de janeiro na história

1822 - Dia do Fico. O príncipe Pedro desafia as cortes e permanece no Brasil. 
1908 - Nasce a escritora francesa Simone Beauvoir.
1939 - Roosevelt escreve carta cortejando Getúlio Vargas. 
1941 - Nascimento da cantora Joan Baez. 
2000 - Morre Alvaro Valle, fundador do Partido Liberal.

O dia 10 de janeiro na história

1904 - Nascimento do compositor Lamartine Babo.
1920 - Criação da Liga das Nações. 
1947 - Vírus da Poliomielite é isolado na Universidade de Stanford, EUA.
1971 - Morre o estilista Coco Chanel.
1973 - “Toda Nudez Será Castigada”, de Arnaldo Jabor, foi o primeiro filme premiado no Festival de Cinema de Gramado. 


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895