Grupo de remanescentes da Guerra do Contestado atacam povoado catarinense

Grupo de remanescentes da Guerra do Contestado atacam povoado catarinense

Correio do Povo do dia 2 de abril de 1921, sábado, noticiava:

Renato Bohusch

“Os fanáticos” era um grupo remanescente da Guerra do Contestado

publicidade

As novas incursões de fanaticos do ex-Contestado

Os fanaticos, em numero de 250, approximadamente, sendo 80 cavallerianos e os restantes de infantaria, atacaram a villa Cruzeiro, antiga Catanduva, comandados por Antonio Pagliano, ex-secretario do celebre “monge’ Euclydes , que já está preso em Florianopolis. “Foi uma verdadeira scena de “Far-west”, como se vê nos cinemas, com a differença “apenas” que aqui correu bala de verdade. A força policial estadual, commandada pelo capitão Antonio Marques de Souza, auxiliado pelo 1º tenente Antonio Costa, e populares, portou-se bem, pondo os fanaticos em debandada, desordenada em questão de vinte minutos. Os fanaticos ou os jagunços como são chamados, vinham armados de winchesters, revólvers, armas de caças, porretes, facões, etc. Alguns ficaram prisioneiros. Segundo os detidos, eles vinham em busca de uma divisão de terras entre todos.

DIVERSAS

Nova companhia de navegação - com o nome de Companhia de Navegação Pelotas, acaba de ser fundada na cidade de Pelotas, uma empresa destinada a manter um serviço de transporte entre Pelotas e Rio Grande e outros portos, devendo para esse fim adquirir as embarcações que forem necessarias.

Roubos no Menino Deus - No arrabalde do Menino Deus, continuam os gatunos praticando toda sorte de furtos e roubos. O policiamento ali, como em outros arrabaldes , continua sendo deficiente, apezar das constantes reclamações dos respectivos moradores. Na noite passada, os gatunos arrombaram o galinheiro existente na residencia do sr. José Pavão, negociante, desta praça e residente á rua Gonçalves Dias. Dali surrupiaram os larapios 32 gallinhas de raça, tendo só o gallo, que foi adquirido no Rio de Janeiro, custado 200$000. Da casa do 1º tenente Arthur Alves Travassos, residen te á mesma rua, levaram toda a roupa branca que se achava no côradouro.

O gado ha 50 annos - É interessante comparar, como demonstração do desenvolvimento e valorização da nossa pecuaria, os preços que vigoravam para os gados, ha 50 annos, com os actuaes, bem conhecidos. Segundo informação documentada, offerecida ao “Tempo”, do Rio Grande, o gado em 1871 estimava-se pelos seguintes valores: Bois, 14$ a 20$ novilhos, de 6$ a 12$; vaccas, de 4$ a 10$; terneiros de 2 annos, a 2$; gado de córte, a 6$; eguas a 2$000.

TELEGRAMMAS

A gréve dos machinistas

Rio, 1 - A gréve dos machinistas que foi declarada, não tomou caracter geral no seio da respectiva classe. Ha divergencia entre os primeiros e segundos machinistas sobre a sua orientãção, de modo que a solidariedade da classe parece incerta.

Agitação communista na Allemanha

Berlim, 31 - O governo considera inteiramente dominado o perigo de qualquer golpe comunista nesta capital, tendo mandado retirar já as barricadas e as redes de arames que cercavam os edificios publicos. Por outro lado, falhou completamente a gréve geral dos electricistas, pois num total de dez mil, apenas mil e quinhentos votaram a favor do movimento paredista; tendo a assembléa regeitado, assim, a moção dos minoristas propondo a cessação do trabalho. Os communistas continuam, além disso, a perder terreno em varios pontos do paiz. Em Weisenfeld, num encontro com a policia, tiveram cincoenta mortos.

A luta entre socialistas e nacionalistas

Milão, 31 - A policia chegou á conclusão de que o attentado do theatro Diana foi tramado dentro do jornal Anarchista “Umanitá Nuova”.

A grafia da época está preservada nos textos acima

CRONOLOGIA

O dia 2 de abril na história

1922 - Josef Stalin é eleito secretário-geral do PCUS.
1940 - A Itália mobiliza todos os cidadãos com mais de 14 anos para lutar na Segunda Guerra Mundial. 
1964 - Com a deposição de Jango, assume a presidência da República o presidente da Câmara, Ranieri Mazilli.
1983 - Morre a cantora Clara Nunes. 

 


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895