É hoje. No Correio do Povo
capa

É hoje. No Correio do Povo

"Queria que entendesses que não consigo mais viver. Eu vou morrer"

publicidade

O veterano tenista perde a esposa e marca um encontro com o amigo psiquiatra. 
Ali faz uma confissão: 
‘Não quero que fiques chateado. Queria que entendesses que não consigo mais viver. Eu vou morrer." 
Pouco depois morre, no dia do aniversário da esposa. 
É a base de uma das crônica de José Facundo de Oliveira no livro Partidas.Partidas tem pré-lançamento nesta quinta-feira, dia 7, às 16h, no Espaço Cultural do Correio do Povo. 
Entrada pela rua dos Andradas, ao lado do Estúdio Cristal e da própria Feira do Livro. 
Espero os amigos.
 O livro tem como autores o psiquiatra José Facundo de Oliveira, a poeta Claudia Schroeder e este que vos escreve. 
Além de Partidas, também estarei autografando o livro “Quando o Corpo Grita/ Síndrome do Pânico”. Vendas no local.