Grêmio, Inter, Fla e o fator $
patrocinado por

Grêmio, Inter, Fla e o fator $

Os números espantosos do time do Rio

publicidade

O Brasileirão teve apenas sete campeões diferentes em 16 edições disputadas por pontos corridos.
Quase sempre o campeão ou era ou estava entre os mais endinheirados.
Só levantou taça time grande. 
Quatro paulistas, dois cariocas e um mineiro comemoraram títulos nestes 16 anos de pontos corridos. O Rio Grande do Sul ainda não levantou taça, embora tenha faturado neste período uma Sul- Americana, duas Libertadores e um Mundial com o Inter e uma Libertadores e uma Copa do Brasil com o Grêmio.
Conferir a projeção orçamentária de cada clube é um bom termômetro para se saber as expectativas financeiras.
O Inter projeta um faturamento de R$ 336 milhões na temporada.
O Grêmio, R$ 341 milhões.
O do Flamengo bate nos R$ 726 milhões.
Mais do que o dobro do orçamento do Grêmio 682.
Só em “despesas com pessoal/imagem o Flamengo prevê gastos de R$ 329 milhões. Especula-se que a folha salarial dos jogadores seja de R$ 25 milhões/mês. O dobro da folha de Inter e Grêmio.
Endinheirado, o Flamengo pode escolher a dedo os melhores jogadores. É o grande favorito a levar o Brasileirão. De novo.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895