“O Grêmio precisa vender, sim'
capa

“O Grêmio precisa vender, sim'

Everton segue como a bola da vez

publicidade

Escrevi em maio: 
“O clube vendeu este ano o goleiro  Grohe para o Al-Ittihad, da Arábia Saudita, o centroavante Jael para o FC Tokyo e o atacante Tetê foi para Shakhtar Donetsk (45% dos  direitos econômicos). 
Mesmo assim precisará de mais aportes financeiros para não terminar o ano deficitário. Precisará vender mais um jogador.” 
Mais tarde registrei que o Grêmio contava em pelo menos estar na final da Copa do Brasil (o vice levou R$ 21 milhões) ou da Libertadores (o vice levará R$ 24 milhões). 
Romildo para a Rádio Globo na segunda-feira: 
“O Grêmio precisa vender, sim, tem necessidade para fazer um ano mais tranquilo”. 
Everton segue como a bola da vez.