Com apoio de Maradona, Menotti fala em "recuperar essência do futebol argentino"
capa

Com apoio de Maradona, Menotti fala em "recuperar essência do futebol argentino"

Por

publicidade

Menotti vai ser o diretor de seleções da AFA  - Foto: AFA / Divulgação


Técnico campeão do mundo em 1978, César Luis Menotti voltará exercer um cargo na Associação do Futebol Argentino (AFA) aos 80 anos. No começo da semana, ele foi anunciado como novo diretor de seleções e começará a trabalhar na função a partir de fevereiro.

 

O anúncio do acordo com Menotti foi feito pela AFA em suas redes sociais sem manifestações dele nem do presidente da entidade, Claudio "Chiqui" Tapia. O ex-treinador, no entanto, expôs seu projeto para as seleções em sua coluna no jornal espanhol Sport, de Barcelona, nessa quarta-feira. "Meu compromisso parte da lealdade a uma condição e um objetivo: recuperar a essência e a genética do futebol argentino. Essa genética está baseada na maravilhosa relação do jogador argentino com a bola. Se tivesse que dar um exemplo, diria que o argentino tem a técnica do jogador brasileiro e o caráter do uruguaio. Por isso é uma raça especial de jogadores", citou o treinador campeão do mundo.

 

Menotti deixou o cargo de técnico da seleção argentina depois da Copa do Mundo de 1982. Assumiu em seu lugar Carlos Salvador Bilardo, que levou os argentinos ao bicampeonato no México, em 1986. Bilardo e Menotti são desafetos pelo jeito totalmente diferente de pensar o futebol.

 

Enquanto Bilardo é extremamente pragmático na busca pelo resultado, Menotti sempre colocou o futebol bem jogado como fundamental para um time. Em sua manifestação no jornal Sport, ele deixou bem claro que esse ideal será seguido em seu retorno à seleção. "Desejo não colocar o êxito esportivo na frente do trabalho e do tempo necessário para consegui-lo. Necessitamos nos organizar como seleções que representam o futebol argentino. O prestígio não se consegue somente sendo campeão, não se sustenta apenas com o resultado. Devemos gerar um debate sobre o presente e construir um futuro", sustentou.

 

Apoio de Maradona

Maior nome do futebol argentino, Diego Armando Maradona manifestou seu apoio a Menotti. Em publicação no Instagram, Maradona fez elogios ao ex-treinador e pediu que a AFA dê suporte a ele. "Que Menotti esteja na AFA me dá um grande prazer. Por fim o Chiqui Tapia se deu conta disso. O único que peço é que Menotti tenha forças para encaminhar o futebol argentino porque ele sabe como fazê-lo. Se Menotti estiver forte, o futebol argentino vai ser forte", escreveu Maradona.

 



 




Visualizar esta foto no Instagram.





 

Uma publicação compartilhada por Diego Maradona Oficial (@maradona) em