Técnico 100% na Libertadores, José Chamot foi preterido no Rosario Central
capa

Técnico 100% na Libertadores, José Chamot foi preterido no Rosario Central

Ex-lateral trabalhava na base dos Canallas quando foi contratado para dirigir o Libertad

Chamot deixou a base do Central para comandar o Libertad

publicidade

O Libertad tem 100% de aproveitamento na fase de grupos da Libertadores da América e já está classificado para as oitavas de final. Treinador do clube paraguaio, José Chamot trabalhava no Rosario Central até março deste ano e foi preterido para assumir o comando do time argentino, atualmente o lanterna da chave e virtualmente eliminado.

Ex-jogador do Rosario Central, José Chamot trabalhava nas categorias da base do clube. Ele até chegou a assumir o time de forma interina em 2018, mas acabou voltando a seu antigo cargo com a contratação de Edgardo Bauza em maio do ano passado. Com a demissão de Bauza no começo de 2019, a direção canalla acabou deixando Chamot em segundo plano e promoveu para treinador do time principal o também ex-atleta do clube Paulo Ferrari. Ferrari exercia um cargo de diretor no Arroyito e acabou durando apenas seis jogos como técnico – acabou demitido após quatro empates e duas derrotas no comando da equipe.

Enquanto Paulo Ferrari vivia sua experiência frustrante como treinador do Rosario Central, José Chamot foi contratado para substituir Leonel Álvarez no Libertad. O ex-lateral esquerdo, que defendeu a seleção argentina em três Copas do Mundo, deu uma resposta melhor que o esperado. Contando o Campeonato Paraguaio, Chamot comandou o Libertad em 13 jogos, com nove vitórias, três empates e apenas uma derrota.

Já o Rosario Central segue seu péssimo primeiro semestre, agora sob o comando de Diego Cocca. A equipe foi apenas 20ª colocada na Superliga Argentina e acabou eliminada nas primeiras rodadas da Copa Argentina e da Copa da Superliga. Na Libertadores, o Central precisa de um milagre para avançar às oitavas. Os Canallas tentarão salvar o semestre na Supercopa Argentina, jogo único em que disputará a taça contra o Boca Juniors. O confronto com os xeneizes está marcado para 2 de maio.