Lançamento do livro Quando Eu Fiz 69
capa

Lançamento do livro Quando Eu Fiz 69

Terceiro livro solo do jornalista Flávio Dutra tem lançamento dia 10/9, no Chalé da Praça XV, no Largo Glênio Peres, a partir das 18h

Por
Correio do Povo

publicidade

Terceiro livro solo de Flávio Dutra, Quando Eu Fiz 69 será lançado dia 10 de setembro, no Chalé da Praça XV, no Largo Glênio Peres, a partir das 18h. O livro celebra os  69 anos do autor, mas não é autobiográfico. Apresenta uma seleção de 69 crônicas, em quatro seções: Crônicas da Mesa ao Lado, Crônicas da Comunicação, Crônicas da Nostalgia e Crônicas  da Maturidade. Ao final da edição, um bônus em forma de uma coletânea de 69 frases espirituosas, do próprio autor ou copiadas de terceiros, com o devido crédito

“O título do livro se presta a interpretações maliciosas,  mas não é o caso”, esclarece Dutra. “Geralmente comemora-se as datas redondas, múltiplas  de cinco ou dez, mas decidi antecipar o registro”, acrescenta. A edição é da Farol 3, com prefácio de Léo Iolovitch, autor de Descendo da Nuvem.

Quando eu fiz 69 vem juntar-se aos Crônicas da Mesa ao Lado  e A Maldição de Eros e Outras  Histórias,  livros anteriores de Dutra, que foi coautor também  de Dueto  - A Dois  é Sempre Melhor, com Indaiá Dillenburg e participou das coletâneas DezMiolados 1 e 3 e Todos por Um.

 

Um pouco mais sobre o autor:

Flávio Dutra é  formado em Comunicação Social pela Ufrgs, com especialização em Jornalismo Empresarial e em Comunicação Digital. Em mais de 40  anos de carreira, atuou nos principais veículos do Rio Grande do Sul. Coordenou coberturas jornalísticas nacionais e internacionais,  especialmente na área esportiva, da qual participou por mais de 25 anos. Presidiu a Fundação Cultural Piratini (TVE e FM Cultura), foi secretário de Comunicação do Governo do Estado, da Prefeitura de Porto Alegre, superintendente de Comunicação e Cultura da Assembleia  Legislativa do RS e assessor no Senado Federal. Atualmente é colunista do portal Coletiva.net. Assíduo nas redes sociais, mantém desde 2009 o blog ViaDutra, onde originalmente foram publicadas as crônicas do livro que está sendo lançado.