Do campo para a mesa: Cotricampo é destaque na cultura do trigo
CONTEÚDO PATROCINADO

 

Do campo para a mesa: Cotricampo é destaque na cultura do trigo

Cooperativa é exemplo positivo devido ao trabalho com a produção e industrialização do trigo


publicidade

A Cooperativa Tritícola Mista Campo Novo (Cotricampo) tem sido reconhecida como exemplo positivo devido ao trabalho signifi­cativo com a cultura do trigo. O trabalho engloba desde o planejamento até a assistência técnica aos cooperados, sendo a organização que possui uma das maiores plantas industriais de farinha de trigo do sistema cooperativo do Estado. Atualmente, a região de abrangência da Cotricampo conta com 77 mil hectares semeados, 8% superior à mesma época no ano passado.

Enquanto, a cada ano, o Estado apresenta variações na área semeada, a região da Cotricampo se mantém estável. Isso se dá devido à estratégia dos produtores nas questões de cobertura de solo e palhagem necessária à conservação deste que é uma importante fonte de renda com as culturas de inverno. “Somos a única região onde a área semeada se mantém e cresce nos últimos cinco anos. É um trabalho de longa data, com incrementos a cada ano”, relata o Diretor Presidente, Gelson Bridi.

O destaque da Cotricampo também se dá devido à produção de farinha de trigo. Cerca de 50% da produção recebida é industrializada. As farinhas produzidas vão diretamente para supermercados da grande maioria das cooperativas agropecuárias do Estado, através de ações de intercooperação, chegando a muitos estados brasileiros. A cooperativa introduz variedades chamadas branqueadoras, que melhoram a extração de farinha na sua indústria e remuneram melhor o cooperado na comercialização. Segundo Gelson, “temos um dos mais bem-montados laboratórios de análise de farinha do sistema cooperativo, com equipe que analisa diariamente a produção da indústria para atender diversos segmentos”.

A Cotricampo também deve seu destaque à liquidez que consegue dar para a safra. “Aqui, o produtor colhe e comercializa sua safra na cooperativa fazendo o pagamento dos investimentos do plantio e condução da lavoura, adquirindo insumos e sementes para a cultura principal do ano, que é a soja”, ressalta o presidente. A Cotricampo, historicamente, desempenha um papel fundamental no processo evolutivo da economia agrícola. A cooperativa evoluiu para uma estratégia de desenvolvimento, oferecendo ao produtor rural mecanismos e suporte para melhorar o desempenho de sua propriedade. A região de abrangência engloba 17 municípios.