URI oferece bolsas para estudantes de licenciatura

URI oferece bolsas para estudantes de licenciatura

Universidade foi uma das escolhidas em todo o Brasil para integrar o programa PIBID e Residência Pedagógica

Por
COLABORE

Câmpus de Santo Ângelo receberá parte das 120 bolsas


publicidade

A Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI) é uma das instituições educacionais do país selecionada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), para integrar o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) e de Residência Pedagógica. Dessa forma, serão ofertadas 120 bolsas somente na URI. Os programas são destinados a alunos de licenciatura. O PIBID oferece aos bolsistas que estão na primeira metade do curso uma aproximação prática com escolas públicas de educação básica e com o contexto em que elas estão inseridas. Residência Pedagógica integra a Política Nacional de Formação de Professores e como objetivo induzir o aperfeiçoamento do estágio curricular supervisionado nos cursos de licenciatura. O acadêmico, na 
segunda metade do seu curso, inicia a imersão na escola de educação básica.

O resultado, divulgado em maio, foi recebido com grande entusiasmo. A coordenadora do curso de Pedagogia da URI Santo Ângelo, Daniela Pereira Gonzalez explica que apesar de não ser a primeira vez que foram contemplados, a alegria em receber a notícia é a mesma. "Os acadêmicos que participam do programa tem um diferencial na formação e na preparação para a atuar em sala de aula”, destaca.

A Universidade irá disponibilizar 48 bolsas, pelo edital 2/2020, nas categorias de Subprojetos de Educação Física e Alfabetização. As bolsas deverão ser distribuídas pelos cursos de licenciatura da área nos Câmpus de Erechim, Frederico Westphalen e Santo Ângelo. Para o Programa de Residência Pedagógica, a URI oferecerá 72 bolsas através do edital 1/2020 da CAPES, nas categorias de subprojeto Interdisciplinar, nas áreas de Ciências Biológicas, Educação Física e Letras, na categoria de subprojeto Alfabetização, para os campi de Erechim, Frederico Westphalen e Santiago. Os editais estarão disponíveis no site da instituição. Poderão participar os acadêmicos que atendam todos os critérios requisitados.  

A Coordenadora desta a importância do programa não apenas para o aluno bolsista, mas para as cidades onde a URI está inserida. “A preparação do acadêmico, principalmente o que irá atuar nas fases de alfabetização, é desenvolvida de forma com que o ensino seja um verdadeiro alicerce, sólido e capaz de fazer a diferença nas etapas iniciais da educação”, destaca.