Enem na reta final

Enem na reta final

Com o segundo domingo de provas, o Enem encerra o desafio para mais de 3 milhões de candidatos. Agora, é conferir o gabarito e aguardar os resultados finais, ainda sem previsão de divulgação

Os candidatos devem ficar atentos aos horários de fechamento dos portões, às 13h, e de início das provas, às 13h30min

Por
Maria José Vasconcelos e Vera Nunes

A segunda fase de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que ocorre neste domingo (28/11), tem 90 questões de múltipla escolha de Matemática e suas Tecnologias e de Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Como neste segundo dia de provas o exame envolve cálculos matemáticos, de química e de física, os candidatos podem querer levar lápis, borracha, calculadora ou régua, mas atenção: nenhum desses objetos pode ser usado na prova. O estudante só pode usar caneta esferográfica preta, de material transparente.

Mais do que isso, de acordo com o edital do exame, se algum destes materiais vetados for levado ao local de prova, serão recolhidos e mantidos guardados no envelope porta-objetos, fora de alcance do aluno. Por outro lado, é obrigatório ou recomendado que o candidato leve, no dia do exame, um documento original com foto, álcool em gel (que também será disponibilizado para o candidato higienizar as mãos no local de prova), máscara (caso queira, pode levar máscara extra), um lanche, se quiser e o cartão de confirmação de inscrição. O cartão de confirmação não é obrigatório, mas o Ministério da Educação (MEC) recomenda que o candidato leve uma via impressa. No documento, é possível conferir o endereço onde o exame será aplicado, os horários de abertura e fechamento dos portões, bem como a data de cada prova.

Gabarito oficial

Apenas depois do fim da aplicação, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) irá divulgar o gabarito oficial e os cadernos de questões. A previsão é que o anúncio aconteça no dia 1 de dezembro. O Enem utiliza um sistema de correção chamado Teoria de Resposta ao Item (TRI), conhecido como um método antichute. Assim, mesmo com o gabarito em mãos, não é possível saber a exata pontuação final do exame. Explicações detalhadas do cálculo da nota do Enem estão disponíveis no Guia do Participante.

Na prova objetiva do Enem, a nota não é calculada levando-se em conta somente o número de questões corretas, mas também a coerência das respostas do participante com o conjunto de questões que formam a prova. A TRI estima a dificuldade das questões e avalia o conhecimento dos participantes. Desse modo, estudantes com o mesmo número de acertos na prova podem ter notas diferentes.

Na hora da correção, a TRI vai levar em consideração a coerência da prova, ou seja, é esperado que um participante que acerte questões muito difíceis, acerte também as muito fáceis. Se isso não acontecer, o sistema poderá entender que ele chutou a questão e, por isso, ele vai pontuar menos nessa questão do que aqueles candidatos que tenham mantido uma certa coerência esperada. 

Banco de itens

As questões do Enem são escolhidas a partir do Banco Nacional de Itens (BNI), acervo de questões que é frequentemente abastecido com novas questões. Cada questão é testada, antecipadamente, com um grupo de estudantes e é classificada de acordo com a dificuldade. Por causa disso, é possível compor várias provas do Enem, com temas diferentes, mas apresentando o mesmo nível de dificuldade.

Outra característica da TRI é não ter um limite inferior ou superior padrão entre as áreas de conhecimento. Isso significa que as proficiências dos participantes não variam entre zero e mil. Os valores máximos e mínimos de cada prova dependerão das características dos itens selecionados. Somente a prova de Redação tem um valor máximo (mil), já que o processo de correção é diferente. O participante poderá ter acesso à vista de sua prova de redação, exclusivamente para fins pedagógicos, após a divulgação do resultado, em data a ser divulgada posteriormente, através da página do participante.

Resultados finais

Os participante poderá ter acesso aos seus resultados individuais do Enem 2021, em data a ser divulgada posteriormente, mediante acesso com login único, na página do participante ou no aplicativo oficial do Enem. Os resultados individuais do Enem 2021 não serão divulgados por outros meios de publicação ou instrumentos e somente o participante poderá autorizar a utilização dos resultados que obteve no exame para fins de publicidade e premiação, entre outros. 

Uso da nota

Os resultados do Enem podem ser utilizados como mecanismo único, alternativo ou complementar de acesso à Educação Superior, desde que exista a adesão das respectivas instituições acadêmicas.

O exame seleciona estudantes para vagas no Ensino Superior público, via Sistema de Seleção Unificada (Sisu); para bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni); e serve de parâmetro para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). E os resultados também podem ser usados para ingressar em instituições de ensino portuguesas que tenham convênio com o Inep.

Horários do segundo dia

  • Abertura dos portões: 12h.
  • Fechamento dos portões: 13h.
  • Início das provas: 13h30min.
  • Caderno de questões: saída do local de prova sem o caderno de questões às 15h30min.
  • Saída com o caderno de questões às 18h.

Informes

  • Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), 3.109.762 estão inscritos na primeira etapa do Enem 2021. Destes, 3.040.871 farão a prova impressa e 68.891 a digital.
  • Por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), 280.145 pessoas se inscreveram na nova chamada do (Enem) 2021, aberta para quem teve isenção do pagamento em 2020, mas faltou nas provas e não justificou a ausência.
  • Os novos inscritos farão as provas do Enem 2021 nos dias 9 e 16 de janeiro de 2022, mesmas datas da reaplicação do Enem e da aplicação para os privados de liberdade e jovens sob medida socioeducativa (Enem PPL).
  • O participante que apresentar sintoma de Covid-19 na semana que antecede o dia do exame não deve comparecer ao local de prova e poderá solicitar reaplicação. O procedimento deve ser realizado pela Página do Participante, no período de 29/11 a 3/12, com anexo da documentação que comprove a condição de saúde do inscrito.
Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895