Atlético de Madrid vence Valladolid e é campeão espanhol
patrocinado por

Atlético de Madrid vence Valladolid e é campeão espanhol

Ángel Correa e Luis Suárez marcaram os gols da virada por 2 a 1

AFP

Luis Suárez marcou o gol do título do Atlético de Madrid

publicidade

O Atlético de Madrid derrotou o Valladolid por 2 a 1 fora de casa neste sábado e se sagrou campeão espanhol pela 11ª vez em sua história. Na última rodada de LaLiga, superou o Real Madrid na tabela de classificação.

Os 'rojiblancos' começaram perdendo com um gol de Óscar Plano no primeiro tempo (18). Mas o time madrilenho conseguiu a virada com gols de Ángel Correa e do uruguaio Luis Suárez. O resultado tornou inútil o esforço do Real Madrid, que venceu o Villarreal por 2 a 1 nos acréscimos.

Este é o primeiro título de campeão espanhol do Atlético de Madrid desde 2014.

Para os 'merengues', dois pontos atrás na classificação do campeonato, só uma vitória interessava. E ainda precisavam torcer por um tropeço do 'Atleti' diante do Valladolid para conquistar o título, o que acabou não acontecendo.

O Atlético volta a quebrar a hegemonia do Real Madrid e do Barcelona no campeonato espanhol, como havia feito em 2014, quando Diego Simeone conquistou seu primeiro campeonato como treinador do time 'rojiblanco'. 'El Cholo' fecha da melhor maneira uma temporada em que soube transformar sua equipe em um time mais ofensivo em torno de Luis Suárez, sem perder a solidez na parte defensiva.

O uruguaio voltou a ser fundamental neste sábado, em um jogo em que a equipe de Simeone se mostrou nervosa e apressada no primeiro tempo diante do Valladolid que está rebaixado para a segunda divisão. Os 'pucelanos' surpreenderam os 'rojiblancos' com um contra-ataque rápido que terminou com Óscar Plano soltando um disparo colocado diante do qual o goleiro Jan Oblak (18) nada pôde fazer.

Um chute de Luis Suárez desviado por Olivas (32) foi o mais perto do empate que o Atlético conseguiu chegar na primeira etapa, antes de mudar de cara na segunda. Os rojiblancos foram mais agressivos após o intervalo, pressionando mais perto da área oposta até que Correa ajeitou na frente da área e soltou um disparo indefensável para Masip (57).

O empate não servia ao Valladolid, que se lançou em busca do gol, deixando mais espaço para o Atlético, que alcançaria o gol do trinfo quando um passe errado do time adversário foi dominado por Suárez que avançou livre na direção do gol e mandou para o fundo da rede de Masip (57).


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895