Avaí derrota o Fortaleza, encosta no G-4 e afunda adversário no Brasileirão

Avaí derrota o Fortaleza, encosta no G-4 e afunda adversário no Brasileirão

Muriqui e Bissoli, duas vezes, marcaram na vitória do Leão da Ilha por 3 a 2

AE

Jogadores do Avaí comemoram o gol de Muriqui

publicidade

Num jogo bastante movimentado e com cinco gols, o Avaí venceu o Fortaleza por 3 a 2 na Ressacada, em Florianópolis, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, e se aproximou do G-4. Já os cearenses ampliaram a má fase e seguem na lanterna.

Foi a segunda vitória consecutiva do Avaí, que ganhou três posições e aparece em sétimo lugar, com 17 pontos. Um ponto atrás do Athletico-PR (4º) e primeiro time na zona de classificação direta à Copa Libertadores. Já o Fortaleza, com apenas uma vitória, segue em último, com sete pontos.

Com bola rolando, os times não fizeram um primeiro tempo com primor técnico, mas pelo menos mostraram vontade para fazer gols. O Avaí abriu o placar aos 32 minutos, quando William Pottker ganhou de Marcelo Benevenuto, tocou na saída de Marcelo Boeck e encontrou Muriqui para empurrar às redes.

Animado com o primeiro gol, o Avaí se lançou ao ataque e viu Matheus Jussa derrubar Willian Pottker dentro da área e a arbitragem marcar pênalti. Aos 39, Bissoli caminhou calmamente para a batida e finalizou no meio do gol, numa cobrança de segurança para aumentar a vantagem no placar.

Só que o Fortaleza não se abateu e, mesmo com 2 a 0 no placar, buscou o empate. Aos 43 minutos, Lucas Lima cobrou escanteio e encontrou Robson, que cabeceou para descontar. No segundo tempo, aos 19, Moisés recebeu dentro da área, dominou e finalizou rasteiro no canto direito de Vladimir.

Só que o Avaí não deu tempo para o Fortaleza buscar a virada. Aos 22 minutos, a zaga cearense bateu cabeça, Willian Pottker invadiu a área e foi derrubado pelo goleiro Marcelo Boeck. Novamente Bissoli foi para a cobrança de pênalti e deixou sua marca, fazendo seu segundo gol no jogo.

O terceiro gol do Avaí desmoronou toda estratégia e expectativa do Fortaleza de ter melhor sorte em campo. Os catarinenses adotaram postura defensiva e ficaram atrás na intenção de manter o resultado positivo, confirmado com o apito final de Raphael Claus.

O Avaí volta a campo no domingo para enfrentar o Fluminense, às 19 horas, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Já o Fortaleza, também no domingo, receberá o América-MG, às 18 horas, na Arena Castelão, em Fortaleza.

Veja Também

Brasileirão Série A - 12ª rodada

Avaí 3
Vladimir; Kevin, Bressan, Arthur Chaves e Bruno Cortez; Lucas Ventura (Vinicius Leite), Jean Cléber e Matheus Galdezani (Rafael Vaz); William Pottker, Bissoli e Muriqui (Renato). Técnico: Eduardo Barroca.

Fortaleza 2
Marcelo Boeck; Landázuri (Ceballos), Marcelo Benevenuto e Titi; Hércules (Ronald), José Welison, Matheus Jussa (Lucas Crispim), Lucas Lima (Silvio Romero) e Juninho Capixaba; Moisés (Igor Torres) e Robson. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Gols: Muriqui, aos 32 minutos do primeiro tempo, e Bissoli, aos 39 minutos do primeiro tempo e 24 minutos do segundo tempo (A); Robson, aos 43 minutos do primeiro tempo e Moisés, aos 19 minutos do segundo tempo (F);
Cartões amarelos: Renato (A); Marcelo Boeck, José Welison e Robson (F);
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Público: 8.937 pagantes
Renda: Não divulgado
Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895