Avião do Utah Jazz pousa com segurança depois de ser atingido por pássaros
patrocinado por

Avião do Utah Jazz pousa com segurança depois de ser atingido por pássaros

Turbina foi desligada por precaução e após poucos minutos no ar

AE

publicidade

A caminho da cidade de Memphis, no Tennessee, a delegação do Utah Jazz, time com a melhor campanha geral da NBA neste momento, foi surpreendida com um incidente no voo na terça-feira e por pouco sua partida contra o Memphis Grizzlies teve que ser adiada. Um bando de pássaros atingiu a turbina esquerda do avião Boeing 757 durante a decolagem em Sal Lake City. Foi só um susto, ninguém se machucou.

A turbina foi desligada por precaução e após poucos minutos no ar, a aeronave teve que voltar ao aeroporto internacional de Salt Lake City para um pouso de emergência. Uma fonte de dentro da franquia disse que ouviu um estouro e um clarão saindo da turbina. A parte de baixo da cabine ficou manchada com sangue, mas não se sabe o quanto o avião foi danificado.

O porta-voz do Jazz se manifestou sobre o ocorrido. "Todo mundo ficou abalado, mas está tudo bem". Este pode ter sido o motivo pelo qual o armador Donovan Mitchell pediu licença da equipe para a partida em Memphis por razões pessoais.

Sem outros desfalques até o momento, o Utah Jazz enfrenta o Memphis Grizzlies nesta quarta-feira. Depois de várias horas, a companhia aérea Delta Airlines conseguiu uma nova aeronave e os atletas embarcaram para o Tennessee. Pelo Twitter, Mitchell e vários atletas agradeceram por terem conseguido aterrissar com segurança.

Com 35 vitórias e 11 derrotas, o Utah Jazz lidera a Conferência Oeste e toda a NBA. A equipe venceu suas últimas seis partidas e não perde desde o dia 8 de março, quando não superou o Washington Wizards, na capital dos Estados Unidos.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895